Translate

terça-feira, 16 de agosto de 2022

# animais de companhia # calor

10 dicas para ajudares o teu animal de estimação nos dias mais quentes

Se por um lado o verão e os dias de calor exigem cuidados com os seres humanos, com os animais também não é diferente. Por isso, e como deves imaginar, os picos de calor são prejudiciais aos nossos amigos de quatro patas e como tal existem cuidados que não devem ficar esquecidos.

Os cães e gatos, são talvez dos que mais sofrem com os picos de calor, e como tal devem ter uma atenção especial para se manterem saudáveis e confortáveis. É importante saber que os animais absorvem muito mais calor do que aquele que conseguem eliminar e como tal as consequências podem ser fatais.

1. Águas limpa, fresca e sempre disponível
Os níveis de hidratação dos nossos patudos deve ser assegurada com água limpa e fresca sempre disponível. Em alturas de mais calor, a respiração dos animais contém mais humidade e por como tal, existe uma maior perda de água.
Mesmo que o recipiente da água esteja sempre cheio é importante que a água seja substituído com alguma frequência. No caso de passeios, não te esqueças de levar um bebedouro portátil para garantir mais uma vez que o animal tem sempre água disponível.

2. Evitar a exposição em horas de maior calor
Sabemos que passear os nossos animais de estimação é fundamental, mas em picos de calor é fundamental que os passeios longos em horas de maior calor sejam evitados. Desta forma o período ideal para fazer estes passeios é logo de manhã cedo ou então ao final da tarde, quando os raios de solares tem menos incidência. Contudo, lembra-te que mesmo nestes horários os locais à sombra com muita relva e árvores proporcionam um alívio de temperatura e como tal devem ser escolhidos para estes passeios.

3. Não deixar os animais dentro do carro
Todos os anos sabemos de casos de animais que morrem porque ficam nas viaturas, por isso nunca, seja em que circunstância for, nunca deixes o teu animal de estimação no carro. As janelas abertas nem o condicionado resolvem o problema do calor (até porque o animal pode desligar o mesmo acidentalmente e inalar gases tóxicos).
O mesmo se aplica a outros locais pequenos, fechados e sem ventilação.

4. Proteção contra parasitas

No verão existem mais incidência de parasitas, como, por exemplo, as carraças ou as pulgas, que podem ser portadores de doenças graves para os animais e podem ser transmitidas para os humanos. Desta forma, é importante que a desparasitação do teu patudo esteja em dia.
Lembra-te também que cada espécie tem o seu desparasitante específico, por isso não penses, que é boa ideia dares o desparasitante de um cão a um gato ou vice-versa.

5. Escova o teu animal
Escova diariamente o teu animal para garantir que todos os pelos mortos são removidos, além de evitar que acumulem mais calor, evitamos também a criação de nós que são desconfortáveis para o animal. Além disso, existem vantagens em escovar o teu animal, entre eles contribuir para a regulação da sua temperatura corporal como permitem uma oportunidade de convívio entre o dono e o pet.

6. Mais banho
A maioria dos animais não gosta de tomar banho, mas os banhos são uma boa maneira de refrescar o corpo do animal. Contudo, não te esqueças que água não pode estar muito fria, pois se estiver arriscas causar um choque térmico.
no caso dos gatos, os banhos são desaconselháveis visto que produzem muito stress no animal. De qualquer forma eles são animais que prezam muito a higiene, por isso a não ser que seja estritamente necessário, podes evitar dar banho ao teu gatinho.

7. Janelas e varandas
Os animais habitualmente gostam de janelas e varandas, contudo no verão, existe um maior número de tragédias relacionadas com a queda de andares.
Seja como for esta é uma daquelas preocupações que deve ser tida durante todo o ano.

8. Combate à obesidade
A obesidade dos nossos animais aumenta a predisposição para a hipertermia e a insolação, além de que aumenta a sensação de calor.
É importante combater a obesidade do animal durante todo o ano com uma alimentação adequada e a atividade física diária.

9. Alimentos húmidos
A ração seca não proporciona o nível de hidratação necessária, por isso se o teu animal habitualmente apresenta alguma resistência a beber água, esta pode ser uma boa opção.

10. Visitar o veterinário
É fundamental estar atento aos sinais de alerta de uma possível insolação ou golpe de calor, e se tal se verificar procura de imediato a ajuda do teu veterinário. Fica atento a sintomas como respiração ofegantes, aumento da frequência cardíaca, procura constante por uma sombra, salivação excessiva, gengivas e língua avermelhadas, ou até mesmo vómitos, ou diarreias.

E tu, tens algum cuidado em específico com os teus animais? Como os ajudas a lidar com os dias mais quentes do ano?

 

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Youtube | Pinterest

20 comentários:

  1. Gostei das dicas embora o meu animal de estimação seja... eu próprio, lol
    .
    Cumprimentos cordiais e poéticos
    .
    Pensamentos e Devaneios Poéticos
    .

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah ah ah e nós, os humanos também devemos ter muito cuidado com o calor!

      Eliminar
  2. Post muito util :) O meu gato anda sempre a lavar-se hehe :D

    ResponderEliminar
  3. These are great tips. Good things to remember especially in summer. :)

    ResponderEliminar
  4. Que acaba por ser umas boas dicas para levar
    Beijinhos
    Novo post
    Tem Post Novos Diariamente

    ResponderEliminar
  5. Ter um animal é adotar uma vida e a esta toda dedicação continuamente amiga.
    Boas informações.
    Bjs

    ResponderEliminar
  6. Devemos ver por eles, nossos animaizinhos sao como nossos filhos, eu os adoro.
    Saludos, amiga!

    ResponderEliminar
  7. It is super important to give them access to clean and fresh water, especially in summer.
    xoxo
    Lovely
    www.mynameislovely.com

    ResponderEliminar
  8. E que sorriso bonito presente Teresa´.~`))))

    Bom e belo dia, que o desassossego anda por aqui a cada noite.
    Beijinhos.


    ResponderEliminar
  9. Os nossos patudos merecem o melhor. Excelentes dicas, Teresa

    ResponderEliminar

Instragam