Translate

quinta-feira, 30 de abril de 2020

5 minutos para conhecer... Camila Capoeira

abril 30, 2020 34 Comments
Achei que estava na hora de tirar do baú a velha rubrica "5 minutos para conhecer", e trazer aos meus leitores e seguidores novos blogs para conhecer.

Começamos esta nova edição da rubrica com a Camila Capoeira dos Passos, a menina de 19 anos estudante de psicologia e autora do blog "Camila Capoeira":
Ontem é Só Memória: Quando eu era criança e me perguntavam o que queria quando fosse adulta respondia sempre que...
Camila Capoeira: ... Dançarina ou cantora, de faculdade não queria saber de nenhuma
Ontem é Só Memória: Tenho sempre na minha carteira...
Camila Capoeira: ... Dinheiro, Lip Balp e limaa de unha
Ontem é Só Memória: Ficava numa ilha deserta com...
Camila Capoeira: ... Um livro e um mp3
Ontem é Só Memória: A primeira coisa que vou fazer quando o isolamento social terminar vai ser...
Camila Capoeira: ... Voltar aos cultos na igreja, sair com meus amigos e ver família.

Se gostaram da rubrica, fiquem atentos, porque na próxima quinta-feira teremos uma nova convidada.

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

quarta-feira, 29 de abril de 2020

Afinal, o que é a moda plus size?

abril 29, 2020 36 Comments
Ao longo dos anos, a moda plus size tem vindo a conquistar o seu devido lugar de destaque no mundo da moda. Finalmente existe uma quebra de padrões de beleza, e finalmente tamanhos superiores aos ditos normais são aceites e podem ser encontrados em quase todas as lojas.

Mas afinal o que são os modelos plus size?

Na industria da moda, o termo "plus size", é usado para se referir manequim com um tamanho superior ao 48 ou ao XXL.
O termo plus size surgiu à algumas décadas, para preencher uma óbvia lacuna que surgiu no mercado da moda, numa fase em que as mulheres começaram a romper os padrões de beleza e a lutar contra o ideal de corpos esculpidos e extremamente magros.

Os modelos plus size, geraram (e ainda geram), muita controvérsia, isto porque muitos defensores dos padrões de beleza, consideram que os modelos, e o facto de existir um conceito de moda plus size, favorece um estilo de vida pouco saudável.
1; 2; 3;
A verdade é que os modelos plus size também chegaram aos vestidos de cerimónia e desta forma os habituais bridesmaid dresses passaram a contemplar modelos plus size, entre eles os plus size bridesmaid dresses, para assim, permitir às várias lojas online acompanhar esta tendência cada vez mais crescente.

Mas não é só de modelos para adultos, hoje muitas lojas disponibilizam tamanhos grandes também para crianças, entres eles estão os flower girl dresses, também já incluem modelos para crianças que usem tamanhos maiores.

E vocês o que acham destes modelos e desta tendência?



Facebook Prom Formal | Site Prom Formal




Este texto foi pago ou patrocinado.


Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

terça-feira, 28 de abril de 2020

Crónica: A extinção dos cabelos pintados

abril 28, 2020 38 Comments
Uma das grandes piadas relacionadas com isolamento social, prende-se com o facto de que quando todos regressarmos à rua, mais de 95% das loiras vão estar extintas.
Mas vá, sejamos honestas, nem vão só ser as loiras que vão estar extintas, provavelmente uma grande percentagem de ruivas, e morenas também vão desaparecer, para não falar de todas as colorações capilares que existem que com o passar dos dias deixaram à mostra uma raiz extensa de brancas.
Os especialistas (sejam eles quem for) estão a prever uma verdadeira corrida aos cabeleireiros e centros de estética, isto porque com este tipo de estabelecimentos fechados durante o estado de emergência, as belas donzelas, tornaram-se em verdadeiros Chewbaccas. Ouvi algures relatos de maridos que descobriram finalmente que se pelo fosse sinónimo de masculinidade, as suas belas donzelas seriam o macho alfa da casa em vez deles.

A verdade é que a pandemia nos apanhou a todos de surpresa, mas tenho a certeza que da próxima vez que acontecer, em vez de comprarem papel higiénico suficiente para construir uma réplica da Torre dos Clérigos, muitas pessoas (e entendam-se as mulheres), vão correr para as lojas físicas, e em casos extremos lojas online para comprar perucas e salvaguardar a vergonha de ir buscar o correio e deixar toda a vizinhança perceber que afinal os cabelos loiros são castanhos, ou que na melhor das hipóteses existe uma raiz de cabelos brancos escondida por baixo daquele sempre impecável tom violino.

Na próxima pandemia, ter uma peruca (luxhairshop lace front wigs), vai ser um sinónimo de ostentação, tão grande, que todos aqueles que colecionarem frascos de álcool vão perceber o quanto é idiota colecionar bens de primeira necessidade, quando existe uma forte necessidade de ter o cabelo impecável... Podemos morrer com o rabo limpo, desinfetados, ou podemos morrer com o cabelo impecável... Agora cada um, escolha como prefere morrer.
Além disso, se tudo isto se tratar de uma conspiração para acabar com o mundo, não será de esperar que as mulheres surjam terrivelmente impecáveis para salvar a no planeta? Vá, pensem bem, em quantos filmes sobre o fim do mundo alguma mulher apareceu com a raiz por retocar? Até mesmo, nos maiores apocalipses zombie, elas surgem com o cabelo impecavelmente retocado, porque haveria uma pandemia de levar as mulheres a sair à rua com uma raiz de um mês?

Não! Nunca mais uma pandemia vai extinguir as loiras! Nunca mais nenhuma mulher vai ser apanhada desprevenida. Seremos heroínas, e estaremos prontas (ou pelo menos para termos o nosso cabelo pronto), para enfrentar qualquer situação.
Se existe alguma coisa que os filmes sobre o fim do mundo, as séries de heroínas, e as princesas dos contos de fadas nos ensinaram é que, não importa quão mal o vosso dia foi ou vai ser, o importante é ter sempre um cabelo bonito.

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

segunda-feira, 27 de abril de 2020

#Resumo da semana nº17/2020

abril 27, 2020 25 Comments
Até tenho dificuldade em acreditar que abril já está a acabar... Dá para acreditar que grande parte deste mês, foi passado fechada em casa, por causa do isolamento social?
Felizmente durante a semana passada fui alguns dias trabalhar, o que me deixou verdadeiramente bem-disposta... A possibilidade de sair de casa e fazer algo, deixa-me feliz e mais completa.
Legenda:

1. O que é que pediam neste exato momento, se soubesses que a resposta ia ser sim?
2. Quando estás fechada em casa, mas só te apetece ver o mundo lá fora...
3. Mais uma sugestão para o almoço... E por aí? Qual vai ser a vossa refeição?
4. "O sucesso é uma questão de decisão"
5. Nunca saberemos o que correu mal, nem qual das duas é pior da cabeça... Mas pronto a verdade é que até nem é mau...
6. Tenho um óbvio problema com sapatos... Talvez porque tenho um armário cheio de pares que nunca usei... Prometo que quando isto do isolamento passar vou procurar terapia para este meu problema...7. "Quando vocês estão determinados a fazer algo, até a crítica negativa se torna um fator de motivação"

Relembro que devido à situação do isolamento social decidi alargar mais um mês a data de término dos sorteios que estão a decorrer, por isso participem e tragam amigos.

SORTEIO | Especial "Tinha Tudo Para Correr Mal"


https://www.ontemesomemoria.pt/2020/03/sorteio-especial-tinha-tudo-para-correr.html
SORTEIO | Especial dia da mulher
https://www.ontemesomemoria.pt/2020/03/sorteio-especial-dia-da-mulher.html
Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

sábado, 25 de abril de 2020

Tinha tudo para correr mal (80º Capítulo)

abril 25, 2020 14 Comments
Parece que finalmente, durante o próximo mês o estado de emergência vai ser levantado, por isso, e por muito pouco que seja as coisas vão aproximar-se um  pouco mais da normalidade. 
Em "Tinha Tudo Para Correr Mal", o isolamento continua, desta vez com as noticias de que o Ivo, que trabalha no hospital, está contaminado com a COVID-19.
"O Ivo está isolado no apartamento em que estava a viver desde que começou a trabalhar no hospital por causa da COVID-19. Todos os dias falamos por vídeo chamada, e aparentemente as coisas nem estão a correr mal, apesar de ele ter dado positivo ao teste da doença.
- Olá!!! - Gritamos todos assim que ele atende a chamada. 
- Olá pessoal! Como é que vocês estão? - Pergunta ele do outro lado do tablet e da vídeo chamada de grupo.
Ele está com bom aspeto, eu diria mesmo quase tão normal e perfeito como noutro dia qualquer.
- Como estás? - Pergunta a Ana.
- Estou bem, a febre já baixou, agora estou só sem paladar e com algumas dores musculares... Mas não há motivos para preocupação. - Garante ele.
- Quando os teus 15 dias de isolamento terminarem, vens para casa para a nossa a beira? - Pergunta o Rodrigo.
- Ainda falta mais uma semana até repetir o teste, tenho aproveitado estes dias para ler estudos e afins... E se tudo estiver bem, vou passar uns dias a casa, mas depois gostava de regressar ao hospital.
Apesar de chocados, nenhum de nós pareceu muito surpreendido.
- Tens a certeza? - Perguntou o Artur.
- Sim. - Garante o Ivo. - Se o governo levantar o estado de emergência em maio, então mais pessoas vão estar expostas, é de esperar um pequeno aumento, e todos os médicos são necessários... - Explicou o Ivo.
- Mas também não existem garantias de que as pessoas criem imunidade ao vírus... E se voltares para lá e voltares a ficar infetado, desta vez de uma forma muito pior.
- Não existem garantias que uma pessoa depois de contrair o vírus ganhe imunidade a ele, mas a verdade é que tal como acontece com muitas outras doenças virais a probabilidade de a doença regressar de forma pior não é muito grande... Mas também não é impossível. Seja como for, é um risco que pretendo correr... Eu sei que vos custa, principalmente a ti Ana, mas eu sonhava ser médico e salvar muitas pessoas desde que me lembro, não posso desistir agora.
- És o meu herói! - Exclama a Ana calmamente.
Depois de mais alguns minutos de conversa, um a um vamos saindo da conversa para darmos ao Ivo e à Ana alguma privacidade. 
Deixo-me ficar sentada no chão com as costas apoiadas no muro. Por algum motivo sinto-me mais sozinha, mais triste, já não conheço o mundo em que estou a viver e não sei quando é que voltarei o mundo que eu considero normal?
- Ele pelo menos está bem e com bom aspeto. - Diz o Artur do outro lado do muro. Olho para cima e vejo a cabeça dele a espreitar.
- Ao menos isso... Tudo isto que se está a passar é mau de mais, não precisávamos que as coisas ficassem piores. - Respondo acendendo um cigarro.
- O que é que se passa contigo? - Pergunta o Artur. Não preciso de olhar para perceber pelo barulho que ele se esta a sentar no muro.
- Estou triste, preocupada, diria mesmo que deprimida... Estar fechada em casa tanto tempo, isolada do resto mundo... Não ver outras pessoas que não vocês, não sair, não trabalhar... Está a dar comigo em louca!
Uff, soube bem confessar tudo isto, parece que perdi um peso de cima.
- Entendo o que queres dizer...
- Mas infelizmente não sabes o que eu quero dizer... - Refuto, olhando para cima do muro, é estranho ver o meu amigo desta preservativa. - Todos os dias todos vocês trabalham... A Joana faz pesquisas e relatórios, o Rodrigo atende as chamadas do call-center, a Ana, estuda os processos dos cliente e já foi uma vez ao tribunal, e tu, estás sempre em videoconferencia com os teus clientes... Vocês estão ativos... Eu sinto-me uma planta... 
- Não existe a possibilidade de a Agente voltar? 
- O Fábio está a estudar essa possibilidade, ele acha que era bom a Agente regressar e fazer os relatos da "sua quarentena" - Faço o gesto das aspas com as mãos para dar mais ênfase ao que estou a tentar dizer. - mas ele teme que seja arriscado a Agente voltar tendo em conta que o grande confronto com a Inspetora ficou pendente... 
- Pessoalmente acho que uma coisa não afeta a outra... Mas sim consigo entender o ponto de vista. - Concorda o Artur.
- Seja como for, em maio vamos todos regressar ao trabalho...  A Ana de certeza que vai ter que ir mais vezes ao tribunal, a Joana vai regressar ao laboratório, e tu também deves de regressar ao escritório... É suposto eu ficar em casa sozinha durante não sei quantos meses?  É suposto ir cada um para sua casa? Ou .... Confesso que a ideia de ficar sozinha em casa, sem nada para fazer me assusta.
- Acho que podemos ficar todos juntos, mas seria bom mudarmos de casas... Numa das casa os que vão sair para trabalhar, e na outra casa os que ficam em casa ou em teletrabalho... 
- Achas que a Ana e o Dinis não se importam? 
- Edu.. Estamos todos a passar pelo mesmo e estamos todos a desesperar pelos mesmos motivos... Temos muita sorte de nos termos uns aos outros, e não acredito que isso vá mudar devido ao facto de estarmos todos fechados e a enfrentar uma pandemia mundial.
 Confesso que me sinto um pouco melhor depois destas palavras. De repente o futuro que eu conhecia como certo e reconfortante pareceu desaparecer... Quando perdemos todas as certezas que temos na vida, as coisas ficam terrivelmente assustadoras, e por vezes são pequenas palavras ditas por cima de um muro que nos podem animar e fazer acreditar que bem lá no fundo, vai tudo correr bem."

Espero que tenham gostado deste capítulo e que continuem a acompanhar a história. Também espero que todos vocês estejam bem e de boa saúde.


Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

sexta-feira, 24 de abril de 2020

7 lojas online para se fazer compras durante a quarentena

abril 24, 2020 43 Comments
Os dias de isolamento social não tem sido fáceis, e por isso, recorrer às compras online (para coisas que não sejam bem essenciais), tem sido a única maneira de fazer compras.
Para vos ajudar nestes dias de isolamento decidi falar-vos das lojas online às quais eu tenho recorrido:
1. Pluricosmetica
Esta é uma das minhas lojas favoritas quando o assunto é comprar cremes de corpo ou produtos para o cabelo. 

2. Wells Online
Não dispenso os meus cuidados faciais, por isso, não dispenso recorrer à Wells seja para cremes, ou outros produtos do género.

3. Decathlon 
Tenho aproveitado os dias de isolamento para me dedicar ao exercício físico, por isso decidi comprar alguns acessórios para me dedicar ao exercício enquanto estou em casa.

4. Sapatos baratos
Sigo esta página no facebook, e já fiz várias compras lá. Tem calçado muito bonito e a preços bem acessíveis. No mês passado comprei umas sapatilhas que, vieram dentro do prazo estipulado e em excelentes condições.

5. Dresslily
fiz várias compras de roupa e acessórios nesta loja, e apesar de as encomendas demorarem um pouco a chegar, é possível encontrarem quase tudo aquilo que procuram por lá.

6. Wook
E porque os dias de isolamento tem sido aproveitados para ler, por isso, e tal como aconteceu muitas vezes, tenho visitado a livraria wook online, e encontrado os livros que procuro, o que tem sido muito bom para ocupar o tempo.

7. Wish
Quase de certeza que já ouviram falar desta loja online. Aqui encontramos alguns gadgets engraçados, roupa, acessórios, ou até mesmo material de escritório. A variedade é tanta que nos permite fazer as mais diversificadas compras.

Gostaram das sugestões? Já conheciam estas lojas online? Como foi a vossa experiência?

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

quinta-feira, 23 de abril de 2020

50 nomes estranhos (4ª Parte)

abril 23, 2020 30 Comments
Nada como animar a semana de isolamento social, com a continuação da rubrica "50 nomes estranhos". 
Pessoalmente, semana após semana, não consigo deixar de me surpreender com a originalidade de algumas pessoas no que diz respeito à escolha dos nomes dos filhos...
31. Abias Corpus da Silva
Se fosse apenas "Habeas" eu até pensava que a criança era filha de juízes ou advogados que levam o seu trabalho muito a sério. Tendo em conta a pronuncia do nome, das duas uma, ou os pais são juízes do norte (carago!), ou então simplesmente não sabiam escrever corretamente. 

32. Analgesina Costa Pinto
Suponde que o primeiro nome vem de analgésico, espero que isto tudo seja uma homenagem ao efeito dos mesmos durante o parto.

33. Ácido Acético Etílico da Silva
Não me surpreendia nada que este nome surgisse durante esta quarentena, mas não, eu andei a ver e este nome já existia bem antes... Quer me parecer que estes progenitores tinham alguma paranoia com componentes químicos.

34. Angústias Árias
Ora aqui está mais um nome vencedor para ir ao programa da Júlia Pinheiro, para falar das dificuldades da sua vida enquanto adolescente e adulta.

35. António Dodói
É isto que acontece quando batizam a criança numa idade adulta e já perceberem que os defeitos dela, neste caso, além de não saber dizer "dói-dói" também devia passar o tempo a queixar-se...

36. António Americano do Brasil Mineiro
Mais uma bela homenagem ao local da conceção e a nacionalidade dos progenitores.

37. Benvinda Olga
Seja Benvinda, Olga!

38. Boaventura Torrada
Sabem aquelas aventuras em que as coisas correm tão mal que dizemos "estamos fritos", pronto, aqui foi mais ou menos a mesma coisa que aconteceu só com que a escolha de termos ligeiramente diferentes.

39. António Pechincha
Sabem quando as pessoas fazem aquela pergunta irritante do "É teu filho?", bem, obviamente que estes pais podem dizer que simplesmente foram as compras, compraram uma criança em saldos e que a mesma foi uma verdadeira pechincha.

40. Brasil Paraná de Cristo
Mais uma vez, aqui está um bom exemplo das coordenadas geográficas da conceção da criança, mas neste caso, sabemos ainda mais uma coisa sobre a família, eles são religiosos.

Espero que tenham gostado desta penúltima edição dos "50 nomes estranhos". Qual foi o vosso favorito?

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

quarta-feira, 22 de abril de 2020

9 vestidos, os mesmos tons (49ª Parte)

abril 22, 2020 43 Comments
Continuamos as nossas edições da rubrica "9 vestidos, os mesmos tons", com algumas cores, que acabam esquecidas e que são pouco utilizadas quando se fala de vestidos de cerimónia.
Uma dessas cores é o cor de laranja. Apesar de ser uma daquelas cores que é amada por muitos, acaba por ser colocada de lado por uma grande parte das mulheres.
1; 2; 3;
Tal como as cores das últimas semanas, o cor de laranja não é fácil de combinar. O prateado é um dos tons que dá mais vivacidade a um vestido cor de laranja. Contudo os bridesmaid dresses cheap online cor de laranja não só marcam a diferença, como podem ser usados a favor principalmente das meninas morenas.
4; 5; 6;
Se preferem jogar pelo seguro, os tons nude nunca falham, o melhor é jogar com grandes contrastes elegantes, o amarelo quando bem usado e nos acessórios certos, pode também dar aquele toque especial que muitas mulheres procuram.
7; 8; 9
As lojas como a babyonline dress apresentam um vasto leque de sugestões de vestidos cor de laranja, que podem ser combinados fácil e elegantemente. O ideal é não terem medo de arriscar e conhecerem melhor aquilo que vos faz sentir melhor e elegante.

Gostaram das sugestões? Qual foi a vossa preferida?




Facebook Baby Online Dresses | Site Baby Online Dresses




Este texto foi pago ou patrocinado.



Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

terça-feira, 21 de abril de 2020

Receita #24 - Gambas fritas

abril 21, 2020 34 Comments
A pedido de muitas famílias decidi publicar a receita das famosas gambas que publiquei a semana passada no instagram e que fez muita gente babar-se e pedir-me a receita.
 Ingredientes:
  • 12 camarões médio/grande
  • Panko QB
  • Farinha QB
  • 1 ovo
  • 1/2 limão
  • 1 dente de alho
  • Pimenta Preta QB
  • 1 colher de café de pimentão-doce

Preparação:

Retirem as cabeças, descasquem e tirem a tripa aos camarões. De seguida preparem a marinada. Coloquem os camarões num recipiente, juntem o sumo de meio limão, pimenta preta a gosto, e o pimentão-doce. Misturem bem e deixem repousar no mínimo por uma hora.
Retirem os camarões da marinada e sequem, depois polvilhem com farinhas para retirar a humidade. Passem por ovo e de seguida por panko (se não tiverem panko podem usar pão ralado), e fritem em óleo abundante durante três a cinco minutos, ou até ficarem dourados.
Sirvam acompanhado de pickles, e molho de soja.

Como podem ver a receita é extremamente simples e saborosa, perfeita para um breve petisco, ou para receber os amigos em casa...


Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

segunda-feira, 20 de abril de 2020

#Resumo da semana nº16/2020

abril 20, 2020 42 Comments
Mais uma semana de isolamento social, confesso que é cada vez mais difícil, estar em casa sem a minha rotina habitual. Fiquei feliz por saber que estão a prever que as lojas comecem a abrir em maio, talvez nessa altura, apesar das óbvias restrições, nos seja possível estar um pouco mais perto da normalidade.
Queria também aproveitar para vos avisar que a partir desta semana e durante tempo indeterminado teremos apenas uma publicação por dia, tenciono voltar em breve à rotina normal, mas como estou a aproveitar estes dias em casa para fazer algumas manutenções, é mais fácil para mim, controlar tudo se tiver apenas uma publicação diária.
Legenda:

1. Finalmente, uma quase foto em que aparecemos as três...
2. Aqui fica uma sugestão de almoço para se começar bem, mais uma semana de isolamento social...
3. Pequenos petiscos para o jantar, desta vez gambas com molho de soja... Querem a receita no blog?
4. Só para deixar algumas pessoas com água na boca...
5. Entrando no espírito da época, desejo a todos uma boa Páscoa... Fiquem em casa e fiquem a salvo.

Relembro que devido à situação do isolamento social decidi alargar mais um mês a data de término dos sorteios que estão a decorrer, por isso participem e tragam amigos.

SORTEIO | Especial "Tinha Tudo Para Correr Mal"
https://www.ontemesomemoria.pt/2020/03/sorteio-especial-tinha-tudo-para-correr.html
SORTEIO | Especial dia da mulher
https://www.ontemesomemoria.pt/2020/03/sorteio-especial-dia-da-mulher.html


Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

sábado, 18 de abril de 2020

Tinha tudo para correr mal (79º Capítulo)

abril 18, 2020 26 Comments
Se esta situação do isolamento não terminar em breve então é bem provável que esta história chegue mesmo aos 100 capítulos... Mas vamos pensar positivo e acreditar que em breve vamos retomar a nossa busca pela famosa "Inspetora". E por falar Inspetora, já participaram no sorteio que está a decorrer para quem quiser adivinhar quem é a Inspetora?
"Acordo de repente com o barulho de algo a partir não muito longe. Levanto-me sobressaltada da minha cama no sofá e espreito pela janela, já é de manhã, olho para o o relógio 08h47. Consigo ouvir uma voz na cozinha. 
Levanto-me e arrasto-me para a cozinha, assim que me aproximo mais consigo reconhecer a voz da Ana ao telemóvel.
- Sim, depois falamos... Por favor vai-me dando novidades... Amo-te muito! - Diz ela desligando o telemóvel.
- Desculpa, não queria ouvir... - Digo envergonhada por ter escutado a despedida. 
E ali está, no meio da cozinha um prato estilhaçado, deve ter caído ao chão e funcionou como um despertador barulhento para esta manhã.
- Desculpa, acordei-te com o maldito prato... - Diz a Ana abaixando-se para apanhar os vidros. 
Vou para a beira dela, e instantaneamente percebo que algo não está bem, ela está tensa e os olhos estão cheios de água.
- Ana, o que é que se passa? O que é que aconteceu? O Ivo...
- Ele está contaminado. - Responde a Ana acenando com a cabeça.
Fico em choque, apesar de todos sabermos que estando ele no hospital na linha da frente contra a doença esta era uma grande possibilidade, a verdade é que nenhum de nós queria pensar nessa possibilidade.
- Vai tudo correr bem... Sabes que existem muitos casos de sucesso... - Tento dizer, mas todas as palavras parecem vazias e sem grande significado. 
O que se diz a uma mulher que acabou de descobrir que o marido está infetado com a COVID-19? Uma doença que já matou tantas pessoas e é considerada uma pandemia mundial?
- Ele é forte e saudável... Se existe alguém que pode sair ileso disto é ele... - Digo tentando parecer otimista quando na verdade só me apetece pegar nos cacos do prato partido e atira-los para longe.
- Ele não pode morrer... Ele só tem 32 anos... Ele salvou tantas vidas... Porque é que agora é a dele que está em risco? Quem me dera que ele não tivesse sido um herói e não tivesse ido para o hospital... 
- Ele fez o que achou que estava certo. E devias sentir orgulho nisso, ele é um lutador, e esta é apenas mais uma batalha... Além disso de certeza que vão cuidar bem dele no hospital... 
- Não sei como lidar com isto... Não estou preparada para isto... - Diz ela a chorar.
- Ninguém estava... - Respondo abraçando-a. De repente os cacos no chão parecem insignificantes, tudo parece insignificante. Não é aquilo que vimos que nos mete medo, mas sim um inimigo invisível que agora chegou até nós. 
- Queres que ligue a alguém? Aos pais dele ou assim? - Pergunto.
- Ele ia ligar aos pais... Mas pediu-me para avisar o Rodrigo... 
- Falamos com eles mais tarde... Ele ainda deve estar a dormir... - Digo ajudando a Ana a sentar-se na cadeira da cozinha e apanhando os cacos antes que alguém se aleije.
- Bom dia... - Diz a Joana entrando na cozinha, mas cala-se assim que vê os nossos rostos. 
Não é preciso explicar, não é precisa uma única palavra, basta um olhar e ela percebe. É incrível como nestes momentos existe uma compreensão silenciosa dos gestos mais simples.
- Em que posso ajudar? - Pergunta ela estendendo-me o saco do lixo para que eu deposite os cacos. 
Ficamos ali em silêncio as três a arrumar lentamente cacos que poderiam ser limpos em minutos. Prolongamos este gesto como se ele fosse uma espécie de purga, mas eu sei que no fundo estávamos as três a rezar para que tudo corra bem.
- O Ivo é um dos nossos heróis... - Diz a Joana calmamente. - E quando digo nosso, refiro-me ao sentido patriota. Ele é forte, saudável, e de certeza que está em boas mãos como os pacientes dele estiveram seguros nas mãos dele... 
- A Joana tem razão! Ele não vai a lado nenhum... Daqui por 15 dias ele vai regressar a casa e jantar connosco. Vamos fazer uma festa, vamos todos sair desta, como sobrevivemos a muitas outras coisas... - Acrescento, depois começo a rir e digo. - Além disso ele não é maluco para deixar que vírus leve a melhor, não antes de vocês irem de lua-de-mel, terem um ou dois filhos e essas coisas todas... 
- Sabes que mais? - Pergunta a Ana. - Vocês têm razão! É assustador, é grave, mas daqui por 15 dias ele vai estar na lista dos recuperados...
- Claro que sim... Por muito que me custe aceitar, vamos envelhecer, e vamos fazer isso juntos! - Brinco abraçando a minha amiga.
Sim, vamos todos ficar bem. Nenhum Deus, nenhum carma, ou entidade divina será tão duro para nos punir desta maneira. Temos que acreditar que tudo está, e vai correr bem, se não nos restar a esperança, o que sobra?"

Espero que tenham gostado, sei que foi um pouco intenso, mas mais uma vez queria espelhar a realidade, desta vez dos nossos profissionais de saúde que estão na linha da frente contra esta maldita doença.
Espero que estejam todos bem por aí.

1ª Parte - Eduarda
1º Capítulo | 2º Capítulo | 3º Capítulo | 4º Capítulo | 5º Capítulo | 6º Capítulo | 7º Capítulo | 8º Capítulo | 9º Capítulo | 10º Capítulo | 11º Capítulo | 12º Capítulo13º Capítulo | 14º Capítulo | 15º Capítulo | 16º Capítulo | 17º Capítulo18º Capítulo | 19º Capítulo | 20º Capítulo | 21º Capítulo | 22º Capítulo | 23º Capítulo | 24º Capítulo | 25º Capítulo | 26º Capítulo | 27º Capítulo

2ª Parte - Rodrigo
28º Capítulo | 29º Capítulo | 30º Capítulo | 31º Capítulo | 32º Capítulo | 33º Capítulo | 34º Capítulo | 35º Capítulo | 36º Capítulo | 37º Capítulo | 38º Capítulo | 39º Capítulo 

3ª Parte - Carlota
40º Capítulo | 41º Capítulo | 42º Capítulo | 43º Capítulo | 44º Capítulo | 45º Capítulo | 46º Capítulo | 47º Capítulo | 48º Capítulo | 49º Capítulo | 50º Capítulo | 51º Capítulo | 52ª Capítulo | 53º Capítulo | 54º Capitulo |

4ª Parte - Artur
55º Capítulo | 56º Capítulo | 57º Capítulo | 58º Capítulo | 59º Capítulo | 60º Capítulo | 61º Capítulo | 62º Capítulo | 63º Capítulo64º Capítulo | 65º Capítulo | 66º Capítulo | 67º Capítulo |

5ª Parte - Eduarda
68º capítulo | 69º capítulo | 70º Capítulo | 71º Capítulo72º Capítulo73º Capítulo74º capítulo | 75º Capítulo | 76º Capítulo | 77º Capítulo | 78º Capítulo |

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

sexta-feira, 17 de abril de 2020

Síndrome de Afrodite - Mulheres viciadas em seduzir

abril 17, 2020 33 Comments
Manipuladoras, conquistadoras, as mulheres com Síndrome de Afrodite, conquistam corações e fazem com que qualquer homem se sinta especial, mas não se iludam, tudo isto tem um motivo, e o principal é a auto-satisfação do ego.
Elas gostam de conquistar os homens e de os fazer pensar que eles são especiais. Para elas o jogo da conquista só termina quando elas decidem e quando a "presa" está manipulada a seu favor. Perder não é uma hipótese, e muitas vezes o jogo só termina quando elas se sentem desejadas.
A verdade é que muitas das vezes quando estas mulheres concretizam as suas atrações e desejos o prazer que sentem nesta "conquista", desaparece. Por isso é muito comum ver este tipo de mulheres a namoriscar, a fazer olhinhos, a colegas de trabalho, funcionários de supermercado ou até mesmo num bar, mas sem nunca levar nada avante.

Alguns estudos apontam que as mulheres com Síndrome de Afrodite, usam a sedução muitas vezes como meio de se relacionarem com outras pessoas. Contudo estas "Afrodites", acarretam outros problemas, a nível social, principalmente no que diz respeito a outras mulheres, como amigas, colegas de trabalho, primas... As mulheres com Síndrome de Afrodite vêem nas outras mulheres, uma rival com quem vão ter que competir pela atenção de um homem.

Estas mulheres usam o charme, e o seu vício em seduzir para conseguirem tudo o que querem, desde atenção, pequenos mimos, ou até mesmo grandes atenções. Não existem limites para se atingir o desejo de se ser desejada, e a verdade é que alguns estudos apontam que muitas vezes este desejo pode ser consciente ou inconsciente, por parte das mulheres com o Síndrome de Afrodite. 

Como é de prever, este tipo de comportamentos esconde um complexo de rejeição muito grande, baixa auto-estima e ou um vazio interior que pode ser resultado de vários problemas que podem surgir desde a infância.


Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

5 coisas que eu gosto nas férias

abril 17, 2020 38 Comments
Tal como eu, é provável que este ano, muitas pessoas acabem por não ir de férias, o que é uma pena. Eu tiro sempre o máximo partido das minhas férias, e não só para descansar ou fugir da rotina. Para mim as férias são sempre especiais porque posso aproveitar para me dedicar a várias coisas de que gosto.
1. Quebrar a rotina
Este é o primeiro motivo (e provavelmente o mais óbvio) pelo qual todas as pessoas gostam das férias. Quem me conhece sabe que eu vivo numa rotina constante onde nem sempre tenho tempo para me dedicar a todas as coisa que eu gosto, por isso as férias são uma boa altura para não me reger por uma agenda de afazeres constantes.

2. Sem despertador
Adoro aquele ritual de desligar o despertador no dia antes de entrar de férias. Pode parecer até infantil, mas saber que não tenho horários a cumprir deixa-me imediatamente relaxada, mesmo que, tal como acontece muitas vezes continue a acordar cedo.

3. Conhecer novos lugares
Para mim, as férias só são realmente férias se eu for para algum sitio, seja dentro ou fora de Portugal. Gosto de conhecer novos lugares e saber mais sobre eles, as férias são também (pelo menos para mim) uma espécie de aula de história (algo que eu adoro), onde posso aprender mais sobre as pessoas e os lugares.

4. Novas experiências gastronómicas
Sempre que visito algum local, uma das experiências que não podem faltar são as gastronómicas. Experimentar a comida típica das zonas ou países que visito é simplesmente delicioso (às vezes nem sempre, mas vocês perceberam a ideia), e prazeroso, pois aprendemos muito sobre métodos de confeção e fazemos verdadeiras aventuras à mesa.

5. Descansar
Não faço parte daquele grupo de pessoas que aproveitam as férias para fazer absolutamente nada, mas adoro aproveitar alguns dos meus momentos das férias, para ficar apenas na cama mais um pouco, para tomar um pequeno-almoço mais demorado, ou passar a noite toda a conversar de forma relaxada e sem a pressão das horas

E vocês, o que é que mais gostam de fazer nas vossas férias?


Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

quinta-feira, 16 de abril de 2020

3 coisas que aprendi com a série Chernobyl

abril 16, 2020 28 Comments
Finalmente consegui ver a famosa série "Chernobyl", e além de ter ficado completamente viciada na série, posso dizer que não tinha quase noção nenhuma do que tinha acontecido neste acidente nuclear que mudou a história da humanidade.
1. Devemos aprender com os erros do passado e da História
Um dos debates morais que se colocam no fim da série, é se a verdade sobre os erros de construção da fábrica de Chernobyl deveriam ser expostos para que outras fábricas idênticas fossem reformuladas, antes que um problema semelhante ou pior pudesse ocorrer.  Felizmente, boas decisões foram feitas e estes erros foram expostos, mas com eles aprendemos muitas coisas que podemos mudar, melhor e reformular para evitar que voltem acontecer.

2. Devemos dizer não e fazer frente aos superiores hierárquicos quando as coisas não estão corretas
Um dos motivos que levaram a que experiência e o teste de Chernobyl corresse mal foi o facto, de um dos responsáveis pela central nuclear pretender avançar com os testes a todo o custo, mesmo depois de os engenheiros terem dito que não era seguro. Sob ameaça de perderem o emprego os engenheiros foram coagidos a atuar como o responsável pretendia levando à situação caótica que a História conhece...

3. Nunca temos as coisas totalmente sob controlo
O incidente de Chernobyl veio provar, por vários momentos, que nem sempre, por muito que a gente pense que tem as coisas sobre controlo, nem sempre as coisas vão estar controladas, e muito provavelmente as coisas podem correr pior do que aquilo que pensávamos.
fonte
 Já viram esta série? Concordam com as aprendizagens que escolhi?

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

50 nomes estranhos (3ª Parte)

abril 16, 2020 15 Comments
A imaginação não tem limites, e os nomes da lista são um dos melhores exemplos disso.
Hoje o desafio é ler e não rir... Porque realmente, existem nomes muito estranhos e que ninguém merecia ter.
21. Homem Bom da Cunha Souto Maior
Pelo menos ele é bom... Não é bom homem, mas é bom...

22. Ilegível Inelegível
Tenho cá para mim, que esta criança não foi desejada...

23. Inocêncio Coitadinho
Só o nome já da pena, é que a primeira coisa que me passou pela cabeça, foi ver este senhor no programa da Júlia Pinheiro a falar das adversidades da sua vida e sobre como foi vitima de bullying na escola.

24. Janeiro Fevereiro de Março Abril
Tendo em conta a seleção dos meses, eu até me arriscava a dizer que ele foi feito no período da quarentena... (Só que não...)

25. Lança Perfume Rodometálico de Andrade
Quando o amor à música é tão grande como amor à mecânica...

26. Marciano Verdinho das Antenas Longas
Olha outro que vai para o programa da Júlia queixar-se que é fruto de uma abdução... A verdade está ai...

27. Maria Privada de Jesus
Se esta senhora for brasileira, os pais literalmente chamaram-na de sanita de Jesus... Ninguém merece ser sanita de ninguém... Nem mesmo de Jesus... Acho que nem ele achou piada.

28. Maria Tributina Prostituta Cataerva
Será uma previsão para o futuro?

29. Maria-você-me-mata
Estes progenitores estavam mesmo confiantes que a sua filha ia arrebatar corações... Ou é isso, ou estavam a pensar criar uma assassina em série.

30. Mimaré Índio Brazileiro de Campos
Mais uma vez, eu não quero ser má... Mas onde é que os brasileiros vão buscar estes nomes?

Gostaram destes nomes estranhos? Qual foi o vosso favorito?

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

quarta-feira, 15 de abril de 2020

Os 30 são os novos 20

abril 15, 2020 23 Comments
Se tal como eu, vocês nasceram na década de 80, vocês vão compreender quando eu digo que não era bem isto que eu tinha em mente.
A vida aos trinta não é tão adulta como a minha geração pensava que seria quando era criança. Sim, quando era adolescente pensava que os 30 seriam o fim de uma grande ascensão, mas não podia estar mais errada.
Quando era nova pensava que aos 30 teria a minha casa, o meu carro, seria uma jornalista de guerra conceituada e teria escrito pelo menos um best-seller. Atualmente tenho um carro, regressei para casa dos meus após o divórcio (porque percebi que não gosto de viver todos os dias sozinha), formei-me em jornalismo mas não exerço e quando aos livros... Bem, escrevi três, mas nenhum deles foi um best-seller.
Onde é que eu errei? 
Não errei, os tempos mudaram e hoje os trinta são os novos 20! Passei os meus 20 a crescer e a procurar a maturidade que tenho hoje. Os 30 já não são aquela idade quase jurássica que obriga a pessoa a ter a sua vida equilibrada, simplesmente hoje isso não é possível, devido a vários fatores.

Mas nem tudo é mau, o século XXI decidiu ser bom para a geração de 80. Ainda podemos sair à rua de calças de ganga rasgadas, dançar ao som das músicas dos anos 90 e portarmo-nos como adolescentes de vez em quando sem que pensem que a nossa vida está perdida ou condenada, porque não passamos os dias a pensar no jantar, a lavar roupa, e a trabalhar para correspondermos às expectativas que a sociedade tem de nós.
Os 30 são os novos 20 porque até nos dias que correm a aparência das pessoas com 30 anos é mais jovem, temos um ar mais fresco do que aquele que as nossas mães (e acima de tudo as nossas avós) tinham com a nossa idade.
Mas nem tudo é bom, (é sempre assim não é?). Podemos ter uma aparência mais jovem, fresca e até mesmo saudável, mas temos uma vida financeira muito mais instável que aquela que os nossos pais e avós tinham com a nossa idade.  

Estes são os novos 30 da geração de 80. E eu cá vou andando como muito outro gingando entre a maturidade da vida adulta e algumas loucuras típicas dos 20. Pelo menos, nós, podemos dizer que fomos diferentes e fizemos parte de uma geração que se adaptou e sobreviveu.

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

Aquela coisa da auto-estima

abril 15, 2020 23 Comments
Acho que a melhor maneira de compreender a auto-estima é compara-la a um vaso com uma planta.

Antes de pensarem que enlouqueci de vez, deixem que vos desafie a comprar uma semente e a planta-la num vaso. É um gesto simples que transmite uma boa mensagem:
Durante os primeiros tempos vocês vão ter que cuidar muito bem da vossa semente, é o que acontece na infância quando os nossos pais cuidam de nós e nos ensinam os primeiros passados para sermos pessoas com auto-estima.
Quando surgirem os primeiros rebentos, vocês vão perceber que a vossa semente cresceu, também com os anos vão perceber que sozinhos podem fazer crescer a vossa auto-estima. Basta querer e a natureza ajuda.
É fundamental dar água e sol aos rebentos da mesma forma que é fundamental dar à nossa auto-estima as coisas de que ela necessita tais como um elogio, ou um carinho.
Depois de crescer a nossa planta apesar de se "safar bem sozinha", continua a precisar de atenção. Ela até pode continuar bonita sem um dia de sol ou de agua mas vários das sem se "alimentar" vão destruir todo o trabalho feito.
Mas se murchar, ainda existem coisas que podemos fazer, retiramos as folhas más, dá-mos água, colocamos fertilizante e ela vai voltar a ser o que era ou ainda melhor... O importante é não desistir e continuar a cuidar e nunca acreditar que sem atenção ela se vai manter verde e bonita.

O que vos tentei transmitir com esta metáfora da planta é que é fundamental cuidar da nossa auto-estima. Esse cuidado é um processo trabalhoso e nem sempre é fácil, mas é importante para que ela exista dentro de nós.

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

terça-feira, 14 de abril de 2020

Hora da Póóóchete #163

abril 14, 2020 18 Comments
Sobre a situação atual:
  1. Não me lembro de ter feito a inscrição para o Big Brother (no meu caso ainda pior porque vou ter que converter o WC numa espécie de confessionário).
  2. Também nunca pensei que conseguia ficar tanto tempo fechada em casa sem estar de castigo... E acreditem, estive muitas vezes de castigo, fechada em casa quando era nova...
  3. E estou a ponderar comprar uma jaula algures no mercado negro para fechar o meu avô, pois ele consegue sair que nenhum de nós cá em casa perceba...
Mas pronto, pensamento positivo, vamos todos ficar bem, mas pessoalmente acho que vou sair desta experiência um tanto ou quanto psicopata! 

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

segunda-feira, 13 de abril de 2020

#Resumo da semana nº15/2020

abril 13, 2020 27 Comments
Tenho a certeza que para muitas famílias, esta Páscoa foi realmente muito diferente, e até mesmo estranha. Cá em casa celebramos como todos os anos, apenas eu, os meus pais e o meu avô.
Agora só nos resta esperar que a situação de pandemia se resolva o mais rápido possível, para que as coisas voltem ao normal o quanto antes.
Legenda:

1. Todos os dias parecem tão iguais que até a hora de dormir já não tem um sabor especial...
2. "Quando, alguma vez a liberdade irrompe numa alma humana, os deuses deixa de poder seja o que for sobre o homem" (Jean-Paul Sartre)
3. "De tudo, ficaram três coisas:
a certeza de que ele estava
sempre começando, a certeza
de que era preciso continuar
e a certeza de que seria
interrompido antes de terminar.
Fazer da interrupção um caminho
novo. Fazer da queda um passo
de dança, do medo uma escada,
do sono uma ponte,
da procura um encontro.”

4. Sugestão de hoje para o jantar... Bifanas com molho de tomate e massa...
5. Não, não estou nada aborrecida...

Entretanto, e devido à situação do isolamento social decidi alargar mais um mês a data de término dos sorteios que estão a decorrer, por isso participem e tragam amigos.

SORTEIO | Especial "Tinha Tudo Para Correr Mal"


https://www.ontemesomemoria.pt/2020/03/sorteio-especial-tinha-tudo-para-correr.html
SORTEIO | Especial dia da mulher
https://www.ontemesomemoria.pt/2020/03/sorteio-especial-dia-da-mulher.html



Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

9 vestidos, os mesmos tons (48ª Parte)

abril 13, 2020 27 Comments
Na edição da semana passada da rubrica "9 vestidos, os mesmos tons" falei de vestidos em tons de verde-escuro, focando o facto de tons mais escuros e considerados maduros serem muitas vezes colocados de lado na hora de escolher um vestido para um evento. Hoje decidi falar de vestidos castanhos e provar que esta cor pode ser boa para mulheres maduras, mas também para jovens mulheres.
1; 2; 3;
Chamem-me tradicional, mas quando se fala de vestidos de cerimónia gosto de os conjugar vestidos castanhos com peças, acessórios e detalhes dourados. Este é um daqueles detalhes clássicos que nunca saí de moda e que fica sempre bem. Contudo se pretendem fugir das combinações mais usuais podem combinar os vestidos castanhos com acessórios e detalhes em tons nude, ou então se preferirem arriscar e ter um visual mais ousado, porque não apostar em azul petróleo ou em tons cor de laranja.
4; 5; 6;
Existem várias opções de cheap bridesmaid dresses, que nos oferecem vários vestidos perfeitos para todas as idades na cor castanha, a prova que estas cores consideradas maduras podem ser igualmente fabulosas, quando escolhido o modelo perfeito, e os tecidos mais indicados para cada idade.
7; 8; 9
Se estão a pensar usar um vestido castanho então visitem lojas como a baby online dress, e escolhem o modelo que mais gostarem.




Facebook Baby Online Dresses | Site Baby Online Dresses




Este texto foi pago ou patrocinado.


Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

Instragam

Follow Us @soratemplates