Translate

terça-feira, 30 de abril de 2019

segunda-feira, 29 de abril de 2019

#Resumo da Semana nº17/2019

abril 29, 2019 27 Comments

 O meu fim de semana prolongado passou a correr... Bem sei que a minha ideia era aproveitar para descansar, mas quando pedi um dia de férias para dia 26 de abril, tinha em mente organizar algumas coisas aqui no blog.
Claro que com o E de férias, acabei por não fazer quase nada do que queria, mas mesmo assim, foi tempo muito bem aproveitado.

Legenda:

1. Quando metes um dia de férias para trabalhar no blog, mas descobres que um dos teus amigos está de férias também e decidem ir tomar café...
2. Desfruta do supremo prazer do nada...
3. Estou a usar e a adorar! Porque cuidar dos nossos cabelos nunca é demais!!!
4. Alguém é servido? Lulas assadas no forno com batatas a murro, tomates e amêijoas ao alho...
5. Que chatice lá vou ter eu que comer...
6.Já leram alguma coisa hoje?
Feliz dia internacional do livro!


Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

sábado, 27 de abril de 2019

Tinha tudo para correr mal (33º Capítulo)

abril 27, 2019 12 Comments
Apesar de as pessoas até continuarem a gostar de acompanhar a história de "Tinha Tudo Para Correr Mal" do ponto de vista do Rodrigo e apesar do feedback positivo, acho que a maioria das pessoas preferia ter a Eduarda de volta. Contudo e porque estou a pensar fazer a "história do Rodrigo" mais curta em capítulos, aproveito para vos perguntar se teriam curiosidade em ver a história do ponto de vista de alguma das outras personagens?
"- Já sei o que quero que a Eduarda me dê de prenda de casamento! - Diz a Ana fitando a Eduarda que levantou os olhos da sua chávena de café para fitar a amiga com ar desconfiado.

- Não usar aquele vestido cor-de-rosa! - Limita-se a dizer.
- Boa noite! - Diz a Joana chegando ao café, sinto o meu coração a bater, mesmo depois de um dia de trabalho está linda.
Tasse bem, eu sei que isto é foleiro.
- Sabes que não se deve negar nada à noiva... - Acrescenta o Ivo.
- Nem comeces. - Responde a Carlota que aparentemente também não gostou do tal vestido cor-de-rosa...
Ou será o vestido das damas de honor? Tasse bem, são coisas de mulher! Nem me vou meter, senão quem vai de cor-de-rosa serei eu!
- Vá, deixa-me pedir! - Suplica a Ana fazendo beicinho.
- Boa noite! - Diz o Artur sentando-se na mesa ao lado da irmã.
- Parem de chegar às pinguinhas! Estão sempre a interromper o meu pedido à Edu! - Grita a Ana chateada.
- Vá não sejas assim é uma incontinência amigável! - Brinca a Eduarda.
Todos olham para ela, eu olho porque não percebi a piada, a Joana, a Carlota, o Ivo e o Artur estão-se a rir, se não perceberam a piada disfarçaram bem, mas é o olhar fulminante da Ana que chama atenção. 
- Vá, diz lá o que queres antes que ganhes rugas! - Brinca a Eduarda o que volta a deixar a Ana novamente chateada, mas ela faz aquele gesto esquisito de rodar a cabeça e "regressa" à conversa sorridente.
- Quero que me digas o que está na divisão interdita.
Desatamos todos a rir, é óbvio que nunca vai acontecer!
- Nem penses. Até podias ser o Papa a dizer que ias salvar a minha alma do inferno!
- Isso é obviamente exagerado... - Diz a Carlota.
- Até porque ela, já nem tam alma para ser salva. - Brinca o Ivo.
É bem provável que nem o diabo queira a alma da Eduarda! Mas tasse bem, não dizem que Deus é grande e perdoa toda a gente?
Vejo a Eduarda queimar o Ivo só com o poder do olhar.
- Isso é bem verdade! - Concorda ela com o seu sarcasmo. - Mas diz-me lá, estás metido nesta história?
- Não diria metido... - Começa o meu primo por se explicar, por algum motivo quando a Edu e a Ana estão em desacordo nenhum de nós gosta de se meter mas ele muito menos.
- Explica lá, que agora estamos curiosos! - Digo na esperança que o deixar em maus lençóis.
- Confesso que comentei com a Ana que estou curioso com a divisão interdita, mas em minha defesa todos estamos...
Olha, parecemos o Noddy, todos a abanar a cabeça ao mesmo tempo.
- Mas a ideia da prenda foi dela! - Explica o Ivo bebendo o seu fino.
Nisto, e do nada, a Carlota desata a rir, de repente já ninguém quer saber da prenda de casamento e todos olham para ela.
- Lembrei-me de uma publicação que li onde se dizia que não se devem contrariar as noivas porque elas ficam "bridezillas", nunca pensei ser real até ver a cara da Ana agora.
Eu sou burro, mas esta miúda devia ter filtros, se a Ana se transformar numa bridezilla é bom que ela se cale antes que ela se comece a passar.
- Toda a gente sabe que isso acontece às noivas... - Diz a Joana calmamente, nada como meter uma manta sobre um fogo.
- Menos à Eduarda, a Eduarda não sente nada! - Brincou o Artur rindo.
Ainda gostava de perceber de onde surgiram tantas piadas sobre o casamento falhado da Edu, mas pelo que eu vi do ex-marido dela, realmente existe muita coisa que não faz sentido.
- Ah sim, por falar em casamento... E a minha prenda? - Pergunta a Ana.
- Querida, até me podes pedir a lua, um dragão ou um unicórnio, eu dou-te mais depressa um destes do que te digo que está atrás da porta misteriosa.
- Então vamos fazer uma aposta. Se até ao casamento não me deres um unicórnio quero que me digas o que está atrás da porta! 
- Ainda bem que não me pediste a lua! - Brinca a Eduarda rindo. - Mas desafio aceite. De que cor queres o unicórnio?"

 

Se ainda não leram...

1º Capítulo | 2º Capítulo | 3º Capítulo | 4º Capítulo | 5º Capítulo | 6º Capítulo | 7º Capítulo | 8º Capítulo | 9º Capítulo | 10 Capítulo | 11º Capítulo | 12º Capítulo | 13º Capítulo | 14º Capítulo | 15º Capítulo | 16º Capítulo | 17º Capítulo | 18º Capítulo | 19º Capítulo | 20º Capítulo | 21º Capítulo | 22º Capítulo | 23º Capítulo | 24º Capítulo | 25º Capítulo | 26º Capítulo | 27º Capítulo | 28º Capítulo | 29º Capítulo | 30º Capítulo | 31º Capítulo | 32º Capítulo |

 
Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

sexta-feira, 26 de abril de 2019

7 do momento... nº53

abril 26, 2019 13 Comments
 Depois de um mês que passou a voar tinha que vos trazer as minhas habituais sete sugestões, por isso tomem nota:
Começamos este leque de sugestões com a minha leitura mais recente. Como podem ver continuo atenta aos romances históricos da Phillippa Gregory. Desta vez li "A Outra Rainha" um dos últimos livros da saga "Tudors" e apesar de ter um grande conteúdo histórico e algumas personagens bem interessantes, confesso que achei o enredo muito aborrecido, mas tendo em conta que a obra é baseada em factos reais é normal que isso aconteça.
Uma das marcas que conheci este ano na Expocósmetica foi a Inocos, e como eles estavam com uma fabulosa promoção de vernizes, trouxe alguns comigo. Adoro a variedade de cores e a cobertura da marca.
Se bem se lembram, ultimamente tenho dito com alguma frequência que ando cansada por isso uma amiga sugeriu que eu tomasse algumas vitaminas. Fui ao Celeiro e escolhi estas vitaminas de cálcio e magnésio e posso dizer que apesar de os efeitos não serem instantâneos, não me tenho sentido tão cansada como antes, além disso a minha capacidade de concentração melhorou consideravelmente.
Ao fazer a minha limpeza de verão reparei num livro que já li à bastante tempo, mas que foi uma verdadeira inspiração para mim depois do meu divórcio. "Um Ano à Beira Mar" é uma obra de Joan Anderson conta a história de uma mulher que depois de um divórcio complicado, se vê obrigada a encontrar um novo sentido para a vida, e sabem que mais, tal como eu ela descobriu que a vida pode ser melhor depois de um fim complicado.
Continuo as minhas sugestões por vos falar do filme "Into The Woods", uma produção da Disney que nos leva numa viagem pelo outro lado da vida das personagens das histórias infantis. Com um elenco de luxo, e com a pitada certa de humor este filme é perfeito para aqueles que como eu cresceram só com uma versão dos factos.
"Top 10 da Antiguidade" é uma série do canal História que nos leva a conhecer as melhores personagens, invenções e até mesmo construções da antiguidade. Uma excelente maneira de conhecer um pouco de história mundial através de uma escala de 10 a 1.
Termino o leque de sugestões com um filme de terror (não podia deixar de ser não é). Recentemente falaram-me do filme "A Possessão de Hannah Grace" e apesar de todas as coisas que diziam confesso que fiquei bastante desiludida, pois todo o filme é muito óbvio. Mesmo assim, se são amantes do género podem sempre ver.

E então, gostaram destas sugestões?

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

quinta-feira, 25 de abril de 2019

Hora da Póóóchete #132

abril 25, 2019 26 Comments

Jovem, sentes-te cansado de ver todos os teus amigos comprometidos e não ter com quem sair?
Pois bem, aqui a minha pessoa tem a solução para esse problema:

Coloquem um sabonete com a publicidade de um motel na carteira deles e deixem que as caras metades descubram! Assim vão ter amigos para sempre!

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

quarta-feira, 24 de abril de 2019

50 Perguntas que libertam a vossa mente (1ª Parte)

abril 24, 2019 12 Comments
Decidi que responder às "50 Perguntas que libertam a sua mente", seria um desafio bem interessante. Como 50 perguntas é algo muito extenso, decidi fazer isto em fases, e espero que me acompanhem em cada uma delas.
1. Quanto anos te darias se não soubesses a tua idade?
Isto começa bem...
Acho que daria algo entre os 28 e os 34, de qualquer forma, nunca fui muito boa a "dar" a idade às pessoas.

2. O que é pior: aguentar a derrota ou nunca tentar?
Pessoalmente acho que dependa de derrota, porque existem derrotas que são difíceis de superar e que por vezes numa marcam para sempre, e nesse caso teria sido melhor não tentar, contudo acho que na vida faz mais sentido sair derrotado mas tentar mesmo assim, mas claro tudo depende da situação.

3. Já que a vida é tão curta, por é que fazemos tantas coisas chatas e tão poucas coisas interessantes?
Pessoalmente, acho que isso acontece por socialmente existem coisas que temos que fazer  por obrigação que acabamos por nos esquecer que existe vida além da rotina.

4. Se o trabalho está acabado, tudo está dito e tudo está feito, no fim das contas houve mais palavras ou realizações?
Mais uma vez acho que depende da situação, mas o ideal é que existam mais palavras que realizações.

5. Se pudesse mudar apenas uma coisa no mundo, o que seria?
A mentalidade das pessoas, acho que depois disso seria mais fácil mudar o mundo.

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

terça-feira, 23 de abril de 2019

Embelleze Portugal: Cuidados com o cabelo (13)

abril 23, 2019 23 Comments

Numa época em que todos parecem querer falar sobre a poluição, porque não pararmos e pensar que estamos de tal maneira expostos a ela que muitas vezes aqueles "defeitos" do nosso cabelo, não são defeitos mas sim consequências desta exposição?
A pensar nisso a Embelleze criou o novo "O Poderoso Carvão Ativado" que vem combater a opacidade dos fios, a dificuldade de crescimento, as alterações na raiz e irritações do couro cabeludo, a queda entre muitos outros problemas.
Indicado para todos os tipos de cabelo, "O Poderoso Carvão Ativado" renova a aparência dos cabelos fragilizados, trata os fios, e ajuda a criar uma barreira contra a poluição.

 Como usar:

Máscara restauradora:
Infusão com carvão ativado combinado com Fiber Detox que penetra na fibra capital regularizando a porosidade. Ajuda a corrigir os danos, rejuvenesce e protege os fios dos cabelos dos danos externos.

Spray Protetor:
Atua como um escudo de proteção térmica para o uso de secadores e pranchas. Facilita o desembaraço, dá mais brilho ao cabelo e tem também um efeito anti-frizz.

A minha opinião:

Como vocês sabem, eu tenho muito cuidado com o meu cabelo, principalmente desde que o deixei crescer, por isso acredito que no meu caso os efeitos de recuperação e reestruturação do cabelo não seja tão visível como em casos mais complicados. De qualquer forma, gosto do efeito "leve" com que o meu cabelo fica depois da lavagem. Depois de usar a máscara e o spray reparei que o meu cabelo fica com aquele efeito "acabado de lavar" por mais tempo.

E vocês, já conheciam este conjunto? Já usaram?



Este texto foi pago ou patrocinado.


Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

Aquela série que nunca deveria ter acabado

abril 23, 2019 21 Comments
Existem séries que nos marcam para sempre, como tal, desejamos que elas durassem para toda a vida.

Para mim essa série seria "Friends". Quem já viu de certeza que vai concordar com os meus motivos, quem não viu então deve ver e depois de certeza que também vai concordar comigo.
1.  Friends é aquele tipo de séries que sobrevive ao tempo e se adapta ao tempo.
2. Ia ser adorável ver os filhos das personagens crescerem.
3. Conseguimos crescer com as personagens e conseguimos ver as personagens crescer ao longo das temporadas.
4. Ia ser ainda mais giro ver o Chandler crescer e amadurecer!
5. De certeza que as meninas iam adorar ver a Rachel com looks mais modernos.
6. Aposto que aquele grupo de amigos ainda tem muito para contar.

Concordam comigo? Para vocês, qual é a série que nunca deveria ter acabado?

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

segunda-feira, 22 de abril de 2019

#Resumo da Semana nº16/2019

abril 22, 2019 17 Comments

Espero que a vossa Páscoa tenha sido boa, por aqui correu tudo bem, e aproveitei o fim de semana prolongado para colocar as coisas do blog em dia e para descansa. 
Tal como vos tinha dito, também aproveitei o feriado para fazer as minhas limpezas de primavera e como habitualmente levo isso muito a sério, acabei mesmo por reformular o quarto todo... Depois tiro fotografias para vos mostrar.
Esta semana vou ter novamente um fim de semana prolongado, com um feriado na quinta, um dia de férias na sexta. Ainda não está tudo alinhado, mas em principio um dos dias vai ser para passear e conhecer Portugal e provavelmente para estar com o E, que está de visita a Portugal. 

 Legenda:

1. Creio que ela está à espera da sobremesa!
2. Digam o que quiserem, mas o cor de rosa é uma cor bonita, principalmente na natureza...
3. Espero que não me acusem de racismo!
4. Quando acabas de ler um livro fabuloso e não sabes o que ler a seguir...
5. Ora bem, aqui ficam os meus votos de uma boa Páscoa!
6. Não custa nada tentar... Por isso aproveito para dizer que troco 10 litros de gasolina por casa no Algarve...


Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

sábado, 20 de abril de 2019

Tinha tudo para correr mal (32º Capítulo)

abril 20, 2019 12 Comments
Tenho que agradecer do fundo do coração a todas as pessoas que semana após semana tem feito os seus comentários e me tem dado um feedback através de vários meios.
Entretanto e porque estamos numa época festiva, preparei um capitulo especial, espero que gostem.
"Todos os anos pela páscoa é a mesma coisa. Mais uma tradição destes gajos malucos que obviamente não tinham com que se entreter quando eram novos. A tradição de pascoa desta malta é nada mais, nada menos que a "caça ao ovo", mas claro que nunca caçamos ovos, o ano passado em casa do Artur a cesta dos ovos tinha cervejas, à dois anos em casa do Ivo e da Ana a cesta tinha dinheiro (sortuda da Carlota que a encontrou), e à três anos foi em casa da Joana e na cesta estavam raspadinhas (que eu encontrei mas onde só tive 200€ que gastei num jantar para a malta toda).
Este ano o desafio é em casa da Eduarda e já estamos todos prontos para a aventura.
- Todos nós já sabemos as regras do jogo, mas como anfitriã tenho que vos relembrar que todas as divisões abertas podem ser inspecionadas, os armários e gavetas podem abertos, mas o que desarrumarem devem arrumar, o que partirem ou estragarem pagam! - Diz a Eduarda num tom militar tão típico dos anfitriões deste desafio. - Caso duas pessoas encontrem a cesta ao mesmo tempo, o prémio é dividido por ambos. Qualquer tipo de batotas, faltas ou agressões são penalizadas e avaliadas por mim e podem levar à expulsão do desafio. Dito isto, que comecem os jogos!
Não sei porque motivos mas os anfitriões assobiam sempre para dar início ao jogo e depois sentam-se calmamente no sofá a rirem-se dos outros desgraçados que feitos loucos, tal como eu estou a fazer agora, procuram um cesto que promete ser original, valioso e saboroso.
- Aposto que ela escondeu no quarto. - Grita a Ana saindo a correr para o quarto.
- Óbvio! - Grita o Artur indo para a cozinha.
E pronto, do nada, a caça ao ovo torna-se uma confusão com pessoas a entrar e a sair das divisões, a abrir e a fechar os armários e com a Eduarda a rir às gargalhadas sentada no sofá.
Eu fiz a minha aposta na sala, ando a ver por baixo dos armários, por baixo da mesa de jantar, e em qualquer canto que possa funcionar como esconderijo.
Meia hora depois decido mudar de divisão, e eis que a vejo... Estava ali o tempo todo e deve ser a solução para este enigma: Uma porta fechada.
Corro para ela e quando rodo o puxador percebo que está fechada. Agora que penso nisso, nunca vi esta porta aberta.
- E esta divisão? - Pergunto.
- Essa divisão está interdita! - Responde a Eduarda calmamente - Não está ai a cesta.
- Mas não era suposto estar a casa toda disponível? - Confesso que estou admirado, nunca tivemos uma divisão "interdita".
- Uma das condições para se fazer a caça ao ovo em casa da Edu é existir uma divisão interdita. Sempre foi e sempre será... - Explica o Artur.
- E ninguém está curioso sobre o que está lá dentro? - Estou confuso e curioso.
- Confesso que sempre tive curiosidade de saber o que está ali dentro. - Concorda a Carlota fitando a amiga que nos observa do seu lugar no sofá.
- Estão a dizer-me que nunca ninguém entrou ali??? - Pergunta agora o Ivo igualmente curioso.
- Eu não entrei. - Afirma a Ana.
- Se vocês não entraram eu muito menos! - Acrescenta a Joana que entretanto deixou a caça ao ovo para se juntar a nós.
- Que segredos escondes tu Edu!? - Pergunta o Artur.
- Tantos anos a visitarem-me e nunca ninguém me perguntou nada sobre essa porta! É uma divisão minha, e que ninguém sabe o que tem!
- Nem o Duarte? - Pergunta a Carlota, a Eduarda solta um suspiro é óbvio que se nem a Ana e o Artur sabem aquele idiota muito menos.
- Nem o meu ex-marido!
- Isso pode ter sido um motivo para o divórcio! - Diz a Joana rindo.
- Será que ela tem pornografia escondida? - Pergunto olhando para eles e para a porta.
- Não me parece, acredito mais que seja uma coleção rara... - Responde a Ana.
- Se fosse uma coleção ela não a fechava, exibi-a com orgulho. - Acrescenta o Artur - Edu!!! Não me digas que tens gostos sexuais duvidosos tipo "50 sombras e grey" e escondes tudo aqui!
- Faz todo o sentido! Por isso é que nenhum dos meus namorados ai entrou! - Responde ela com o seu sarcasmo.
Ficamos a olhar uns para os outros e de um momento para o outro ninguém quer procurar a cesta dos ovos, mas sim descobrir o que está dentro desta porta misteriosa.
- Vamos fazer assim! - Diz a Eduarda levantando-se de um salto. - Cada um pode dar um palpite sobre o que está atrás da porta, se acertarem, não só abro a porta e vos deixo ver, como vos digo onde está a cesta dos ovos.
Desafio aceite.
- Aposto que tens ali dentro roupas estranhas que gostas de usar em momentos estranhos! - Diz a Joana fazendo com que todos se rissem.
- Tens ali cenas de sadomasoquismo! - Acrescenta o Ivo super orgulhoso do seu palpite.
- Uma coleção de livros ou peças de arte! - Diz o Artur sabiamente.
- Coisas roubadas! - Grita a Carlota e ficamos todos a olhar para ela. - O que foi, para estar fechado ou é importante ou é sério, se eu fosse cleptomaníaca, iria esconder as coisas que roubasse...
Acho que faz sentido.
- Será que tens ali dentro a tua coleção de bonecas? - Pergunta a Ana.
Eu nem consigo a imaginara a Eduarda criança, quanto mais a brincar com bonecas.
- Eu pessoalmente acho que é pornografia! - Termino.
Depois de um pequeno debate sobre as ideias de cada um, olhamos atentamente para Eduarda que está a chorar de tanto se rir à nossa custa.
- Meus caros, nenhum de vocês, acertou... Aliás todos vocês estão a léguas de acertar. Por isso ou abrem os olhos e procuram a cesta ou o desafio acaba aqui.
- Mas onde raio está a cesta, já procuramos tudo e nem sinais da cesta! - Queixa-se a Carlota.
- A cesta esteve a "ver-vos" este tempo todo! Está a rir-se de vocês! - Termina a Eduarda, começamos a olhar em volta, pois sendo assim a cesta está nesta divisão.
- Mas... - Começa a Joana olhando para o teto.
Eis que encaixada no suporte do candeeiro está a cesta. Ajudo a Joana a chegar-lhe a tirar a cesta do seu esconderijo.
Mal podemos esperar para ver que está lá dentro!
- EDU!!! - Gritamos quase todos em uníssono.
Dentro da cesta estão literalmente ovos. Ovos de galinha, de codorniz e uns ovos um pouco maiores que, suponho serem de peru.
- A ideia da cesta é que os prémios sejam coisas boas! - Reclama o Ivo amuando.
- Vocês são pobres e mal-agradecidos. Andei eu a comprar bifes dos melhores a descascar batatas para fritar para fazermos um jantar daqueles memoráveis e vocês agradecem assim?
Desatamos a rir, afinal de contas os ovos eram apenas uma parte de um prémio maior."


Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

quinta-feira, 18 de abril de 2019

Afinal como é que surgiu o "Ontem é só Memória"?

abril 18, 2019 18 Comments

Para ser justa, antes de falar do "Ontem é só Memória", tenho que vos falar da história do "A Pequena Boneca de Trapos" e dos blogs antes deles...

"A Pequena Boneca de Trapos", nasceu a 04 de junho de 2014, numa altura em que apesar de ter um outro blog, sentia que precisava de mudar e dar um salto diferente no que dizia respeito ao modo como escrevia e aos temas que abordava.
Apenas dois anos após a criação de "A Pequena Boneca de Trapos" decidi, mesmo tendo a marca registada com esse nome, mudar a linha editorial pela qual me regia, queria um blog mais maduro e mais frontal. Por isso e em vez de começar do zero, decidi mudar o nome e ir fazendo as mudanças que procurava aos poucos.
Foi neste caos de ideias, num constante processo de amadurecimento e mudança que surgiu o blog que hoje conhecem, ele surgiu da adtação de um blog mais banal para algo mais profissional. Gosto de que o comparar às borboletas, a época do "A pequena Boneca de trapos" foi o casulo, o "Ontem é só Memória", é a borboleta.

Conheciam esta história?

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

quarta-feira, 17 de abril de 2019

Hora da Póóóchete #131

abril 17, 2019 21 Comments

No outro dia em conversa com a minha prima.

Eu: Sou tão ruim e tão má pessoa que não sei como é que não comecei a arder quando entrei na igreja no casamento do Miranda...
Sara: Não começaste a arder, mas quase que caíste em frente ao altar... Acho que isso foi um sinal...

 E eu a pensar que ninguém tinha visto...

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

terça-feira, 16 de abril de 2019

5 coisas que aprendi com o blog (2ª Parte)

abril 16, 2019 16 Comments

A semana passada falei-vos um pouco sobre algumas coisas que aprendi com o facto de ter um blog. A verdade é que existem várias coisas que tenho vindo a aprender desde que tive o meu primeiro blog, mas o "Ontem é só Memória" tem sido sem dúvida alguma uma escola fabulosa.
Por isso, hoje decidi partilhar com vocês mais 5 coisas que aprendi com o meu blog:

1. Dormir menos
Entre o meu trabalho em full-time, e a minha vida pessoal nem sempre é fácil ter tempo de sobra, por isso e para manter o blog com o seu ritmo habitual tive que me habituar (e ainda não estou completamente habituada) a dormir menos. 

2. Pensar no que vou dizer
Sempre fui uma pessoa de ideias controversas e nunca as deixei de expor, porém desde que comecei a escrever no blog aprendi a compreender a lidar com as pessoas cujas ideias são opostas à minhas e isso mudou a maneira que eu tinha de expor os meus argumentos, pois além de expor os meus pontos de vista preocupo-me também em não ferir as perspetivas dos outros.

3. Aproveitar tudo
Ter um blog ensinou-me a olhar para as coisas de forma mais analítica, afinal, quantas vezes encontrei nas coisas mais simples, as melhores ideias para posts?

4. Desligar
Desde que o blog começou a ter parceiros eu ganhei o hábito de estar sempre online e disponível para toda a gente, contudo percebi que desligar é algo que é necessário.

5.SEO
Confesso que ainda "ando a estudar" tudo aquilo que envolve SEO e markting digital, contudo, posso dizer que ter o blog e conhecimentos desta maneira, mudou a minha maneira de ler e produzir conteúdos online.

E vocês, partilham comigo estas aprendizagens?

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

segunda-feira, 15 de abril de 2019

#Resumo da Semana nº15/2019

abril 15, 2019 21 Comments

Dizem que esta é a semana santa e eu não podia estar mais de acordo. Afinal todas as semanas que tem um feriado são santas e são ainda mais santas quando o fim de semana é prolongado.
Espera-me uma semana de muito trabalho, mas estou a contar que as coisas até sejam calmas, ao contrário da semana que passou que foi desgastante e sem tempo para recarregar baterias. Foi uma semana cheia de trabalho com maratona de 12 horas entre o escritório e o blog, lá acabei por ficar a dever horas à cama e ao meu tempo de lazer. Claro que não deixei de estar com a família, e amigos se bem que gostava de me dedicar a eles um pouco mais. 

 Legenda:

1. Summer is coming... Oh no wait... Winter again!
Lá foi ela buscar o fatinho para os dias mais frios...

2. No calendário ainda é quarta, mas no meu espírito já é sexta...
3. A expressão dela quando de manhã vou para o trabalho, acho que é algo entre o "vou ter saudades tuas" e o "vai lá ganhar dinheiro para os meus biscoitos"...
4. Facto da vida n72: Querer ser adulta foi o sonho de infância mais estúpido que eu tive!
5. "Não existe nada completamente errado no mundo, até o relógio parado consegue estar certo duas vezes por dia"
6. A semana passou de tal maneira a correr que nem tive tempo para vos mostrar os miminhos que trouxe da embelleze quando fui a expocosmetica!
7. Hum nada como ir á varanda e respirar ar puro... Agora vou fumar um cigarro...
  
Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

sábado, 13 de abril de 2019

Tinha tudo para correr mal (31º Capítulo)

abril 13, 2019 10 Comments

Estou muito feliz com o feedback positivo que tenho recebido por parte dos leitores. Parece que o Rodrigo enquanto narrador está a começar a ser bem recebido e as pessoas começam a ficar curiosas...

"- Posso usar o teu computador? - Pergunta-me a Joana durante o pequeno-almoço - Preciso de enviar um e-mail para o laboratório e estou a ficar sem bateria no telemóvel.

- Sim claro. - Digo apontando para o portátil abandonado no outro canto da mesa da sala. Começo a pegar nas chávenas e pratos vazios. - Eu vou arrumando isto, está à vontade.
- Obrigada. - Sorri ela puxando o equipamento para si.
Passamos a noite, sentados no sofá embrulhados numa manta a ver filmes. Depois fomos dormir. Apenas dormir! Nunca nenhuma mulher passou comigo a noite só para ver filmes e dormir, mas o mais estranho é que nem pensei em sexo. Claro que de manhã a conversa já foi outra, mas vá alguém me dê um desconto, sou homem está bem?
Quase que atiro a loiça para dentro da máquina de lavar. É por causa de momentos como este que eu acho que a máquina foi um dos meus melhores investimentos. Ela lava enquanto eu passo tempo de qualidade com a minha ruiva.
Controlo-me para não ir a correr para a sala, mas quando chego à porta percebo pela expressão da Joana que teria sido boa ideia ter ficado na cozinha e lavado a loiça toda à mão.
- O que foi? Problemas?
Ela não me responde, apenas vira o computador na minha direção e assustado vejo que ontem à noite me esqueci de apagar ou de enviar (ainda não me tinha decido sobre isso), o e-mail para a Agente.
- Quem é ela? - Pergunta a Joana com voz baixa.
- É a Agente... Vocês ontem estavam a falar dela no café... Aliás toda a gente fala dela! - Respondo.
- Eu sei que o e-mail é para a Agente, sei ler o destinatário. - Ela fala como se tivesse um nó na garganta, coloca as mãos sobre as pernas. - Quem é a mulher que... - Ela vira o computador para si, e atira-me as minhas próprias palavras - "mexe comigo, invade os meus pensamentos dias e noite e nunca me deixa totalmente satisfeito porque quero sempre mais"?
- Joana, não estás a perceber... - Digo aproximando-me dela, mas os olhos dela mudaram, estão tristes e ao mesmo tempo chateados.
- Estou a perceber muito bem... Andas a dormir comigo para descomprimir os teus desejos por outra!
O quê??? Ela não percebeu que estava a falar dela em cada uma das palavras? 
- Muito pelo contrário... - É a única coisa que consigo dizer sem me engasgar.
- Claro, é óbvio que este e-mail é sobre mim... Estamos juntos há quanto tempo? Três meses? E estás completamente apaixonado por mim, quando eu sei que desde o primeiro dia que me conheceste só me querias levar para a cama. - Atira ela com uma fúria estranha, levantou-se e se me tento aproximar ela começa a andar na direção oposta.
- Tecnicamente falta uma semana para fazer quatro meses que estamos juntos.
Ela olha-me surpreendida, a sério que ela não contava os dias, desde a nossa primeira vez juntos?
- Isto que disseste é sobre mim? 
- Todas as palavras, não enviei porque por muito que eu fizesse um esforço para me explicar, nenhum dos textos que fiz parecia explicar o quanto mexes comigo.
- Porque é que não falaste comigo? Porque é que ias mandar um e-mail para perfeita estranha...
- Porque ninguém acredita que eu posso realmente estar apaixonado! 
- Ninguém?
- Pelo menos a Eduarda não acredita, e sinceramente nem eu acredito. Nunca estive apaixonado, nunca me senti assim.
- Contaste à Eduarda sobre nós? 
- Ela descobriu, sabes que ela sabe tudo, parece bruxa!
- Não sei o que pensar! - Diz ela sentando-se no sofá.
Neste momento as palavras da Eduarda, acertam-me em cheio "vocês vão se envolver, vão criar sentimentos e quando a novidade passar, o nosso grupo de amigos vai se quebrar porque vocês não souberam separar as coisas".
- Desculpa, não era suposto eu ter-me deixado levar pelos sentimentos, mas por favor, podemos voltar a ser apenas amigos, não me parece justo que o nosso grupo fique desfeito porque eu sou idiota.
- És mesmo idiota. - Diz ela levantando-se e fitando-me.
Tem toda a razão.
- Sou um perfeito idiota! Nunca devia... Quer dizer... As coisas estavam bem como estavam... Mas tasse bem, por mim fica tudo esquecido.
- Queres mesmo esquecer?
- Se isso não estragar a nossa amizade... A de todos nós...
Ela chama-me idiota e afasta-se para o quarto, quando lá chego, ela está a tirar o pijama e a vestir-se. 
Pronto, perdi-a para sempre, e neste momento só sinto o meu peito a ficar vazio. Não a quero fora da minha vida, preciso dela, mas não posso estar com ela quando estou irremediavelmente apaixonado por ela.
- Sabes uma coisa? - Pergunta-me ela aproximando-se de mim já vestida.
Limito-me a abanar a cabeça como o idiota que sou.
- Não sei se te ame, ou se te odeie.
Agora sim, estou confuso. Sou um idiota confuso!
- Não sei se te ame, pelas palavras que escreveste sobre mim, se te odeie por me deixares ir só para não estragares a amizade do nosso grupo. 
Estou cada vez mais confuso, mas afinal ela ama-me ou odeia-me?
Ela sorri.
- Rodrigo nunca pensei que fosses altruísta ao ponto de abdicares do amor com medo de estragares a amizade.
- Se não sentes o mesmo por mim que eu sinto por ti, então sinceramente não vale a pena estragar a amizade.
- Sabes porque é que és um grande idiota?
Apetece-me responder "porque tu já o disseste várias vezes só hoje".
- Porque, tiraste as conclusões todas sozinho, e nem paraste para me perguntar o que sinto por ti!
- Nunca te irias apaixonar como um gajo como eu... Somos completamente diferentes... 
- Estás enganado...
Estou?
- Eu também sinto algo por ti, apenas não me deixei levar pelos sentimentos porque sempre achei que para ti isto que havia entre nós era só química. Ontem à noite percebi que não!
Ela está a dizer aquilo que estou a ouvir, ou eu já desmaiei e estou a ter uma alucinação esquisita?
- Não sei o que dizer! - Digo.
- Nem eu, mas um convite para almoçar era boa ideia. Mas vamos jantar a algum lado, estou cansada de me esconder para estar contigo!"

 

Se ainda não leram...

1º Capítulo | 2º Capítulo | 3º Capítulo | 4º Capítulo | 5º Capítulo | 6º Capítulo | 7º Capítulo | 8º Capítulo | 9º Capítulo | 10 Capítulo | 11º Capítulo | 12º Capítulo | 13º Capítulo | 14º Capítulo | 15º Capítulo | 16º Capítulo | 17º Capítulo | 18º Capítulo | 19º Capítulo | 20º Capítulo | 21º Capítulo | 22º Capítulo | 23º Capítulo | 24º Capítulo | 25º Capítulo | 26º Capítulo | 27º Capítulo | 28º Capítulo | 29º Capítulo | 30º Capítulo |
 
Gostaram deste capítulo? Deixem o vosso feedback.

 
Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

quinta-feira, 11 de abril de 2019

6 vestidos plus size que se recomendam

abril 11, 2019 15 Comments

Eu sei que tenho sido chata com esta conversa dos vestidos para o baile de finalistas, mas a verdade é que eu não fui ao meu e ainda hoje sinto uma certa pena por não ter ido e não ter essa memória.
Apesar de não ser uma tradição completamente nossa, a verdade é o baile de finalista e toda aquele ritual é mesmo um bom ritual de passagem para as jovens.

1; 2; 3;

Como sou apologistas que todas as meninas devem se sentir especiais neste baile, fui até Prom Formal e escolhi alguns modelos não só de high low prom dresses, mas acima de tudo de modelos para as meninas mais gordinhas.
Os plus size prom dress, são felizmente cada vez mais fáceis de encontrar, e são a solução para as meninas que não encontram o seu tamanho neste tipo de vestidos. Os modelos são construídos de forma a criar harmonia e a favorecer quem o usa.

4; 5; 6
Apostem em modelos mais soltos e fluidos para dar a ideia de leveza. Apostem também em cores menos vistosas e em acessórios que não causem ruído à vossa imagem. De preferência usem também uns sapatos de salto alto pois eles vão criar a ilusão de um corpo mais esguio e elegante.

Espero que tenham gostado destas sugestões plus size. Alguma dica que queiram acrescentar?


Facebook Prom Formal | Site Prom Formal



Este texto foi pago ou patrocinado.


Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

5 coisas que aprendi com o blog (1ª Parte)

abril 11, 2019 12 Comments

Engana-se quem pensa que ter um blog não acrescenta nada de novo e produtivo à vida de quem o escreve e publica dia após dia.
No post de hoje vou partilhar com vocês 5 coisas que aprendi com o meu blog:

1. Escrever com calma
Confesso que ainda sou trapalhona e não sou nem de perto nem de longe o melhor exemplo, contudo isto deve-se ao facto de eu tentar escrever à velocidade a que estou a pensar. Acreditem que agora estou bem melhor, pois com o blog aprendi a ter mais calma, mas eu sei que ainda não é suficiente.

2. HTML
Apesar de ter aprendido HTML na faculdade, confesso que a maioria dos meus conhecimentos sobre o tema foram autodidatas, pois com um blog é sempre preciso saber mais e mais.

3. Fotografias
Apesar de também ter aprendido muito sobre fotografia na faculdade, comecei a valorizar ainda mais esta arte depois de ter o blog e as respetivas redes sociais. Atualmente só tenho pena de não ter equipamentos melhor.

4. Espírito de entreajuda

Desde que tenho o blog percebi que me tornei uma pessoa menos invejosa e comecei a ajudar os outros com mais frequência.

5. Criatividade e inovação
Sempre fui criativa e inovadora, porém com o blog aprendi a canalizar estas características de forma ainda mais positiva.

E vocês, contem-me lá, o que é que aprenderam com o vosso blog?

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

quarta-feira, 10 de abril de 2019

Hora da Póóóchete #130

abril 10, 2019 24 Comments

 Dos mesmos criadores desta edição da hora da póóóchete... Eis que chegou mais um sucesso passado num daqueles dias de calor que tivemos à duas semanas!

Ele: Queres uma foto minha, bem quente?
Eu: Credo! Não me digas que estás a lareira com este calor!

Não percam o próximo episódio, porque nós também não!

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

terça-feira, 9 de abril de 2019

Receita #14 - Salteado do mar

abril 09, 2019 28 Comments

Reparei que é muito raro partilhar receitas de peixe aqui no blog. Por isso, andei a ver o meu caderno de receitas e encontrei uma receita bem apetitosa para partilhar com vocês.

Ingredientes:

  • 1/2 kg de ameijoas
  • 1/2 kg de camarão médio1 kg miolo de camarão
  • 4 batatas grandes
  • 4 lulas médias
  • 1 Cebola média
  • Polpa de Tomate e Vinho Branco.
  • Salsa, Sal e Pimenta QB


Preparação:
Lavem bem as batatas e cortem em pequenos cubos. Deixem cozer numa panela com água e sal.
Coloquem as ameijoas num recipiente com água e sal e deixem que as ameijoas abram naturalmente.
Façam um refogado com a cebola picada, a pimenta e uma pitada de sal e coloquem as lulas previamente arranjadas e cortadas em pedaços e deixem refogar juntamente com um pouco de polpa de tomate e um pouco de vinho branco. Deixem em lume brando por cerca de 15 minutos.

Escorram as batatas e levem a fritar em óleo bem quente para que fiquem crocantes.
Quando as lulas já estiverem na fase final da cozedura juntem os camarões e deixem apurar.
Entretanto juntem as ameijoas e deixem ganhar sabor, por cinco a 10 minutos e lume médio.
Sirvam numa travessa e barro e polvilhem com pickles e azeitonas a gosto ou com salsa fresca.

Espero que tenham gostado desta receita, se experimentarem já sabem, partilhem no instagram e identifiquem @pequenabonecadetrapos.

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

Ideias para sobreviver a vários eventos

abril 09, 2019 17 Comments

Acho que todos nós, chegamos a uma fase na nossa vida em que parece que toda a gente à nossa volta decide casar, batizar o bebé, ou até mesmo comemorar os 25 ou 50 anos de casamento, e por muito que a gente tente reutilizar os vestidos antigos, simplesmente percebemos que nem sempre será possível.

1; 2; 3;

 
O ideal nestas situações é investir em modelos que possam ser usados em vários eventos e claro optar por tons mais neutros pois tal como toda a gente sabe os tons neutros são camaleónicos e ficam bem em várias alturas.
O preço é sempre um fator para se ter em consideração, e se já estão a prever precisar de usar vários, então apostem em loja como a Ever Pretty e conheçam os modelos para todos os gostos, e carteiras. Secções como a bridesmaid dresses é sempre uma boa opção para encontrar os verdadeiros clássicos:

4; 5; 6;
E, tal como vos falei no primeiro paragrafo, a escolha das cores é fundamental para que o mesmo vestido possa ser usados em vários eventos. A não ser que se trate de um casamento os vestidos brancos (white graduation dresses) são sempre uma das melhores opções, até porque basta mudar as cores dos acessórios e dos sapatos e facilmente conseguimos visuais completamente diferentes.
7; 8; 9
Se mesmo assim querem causar algum impacto nos vestidos que usam, e mesmo assim pretende algo que possa ser renovado, então os vestidos púrpura ou lavanda (purple bridesmaid dresses), ou até mesmos tons derivados dessas cores, são uma boa opção, Contudo é preciso ter em conta que neste caso será mais difícil combinar acessórios e por isso não será tão simples passar despercebida na hora de repetir o look.

Contem-me os vossos truques para renovar os vossos vestidos.


Facebook Ever Pretty | Site Ever Pretty



Este texto foi pago ou patrocinado.

 

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

segunda-feira, 8 de abril de 2019

#Resumo da Semana nº14/2019

abril 08, 2019 28 Comments

A semana começou com uma pequena virose que me atirou para a cama, felizmente foi só por um dia, e na terça-feira já estava de volta à rotina.
Talvez por isso, fiquei com a sensação que a semana passou a correr. A chuva e o frio também estão de volta e parece que vão ficar por algum tempo.
Por aqui espera-me mais uma semana cheia de trabalho, e fria, mas quem anda por gosto não cansa.

 Legenda:

1. Salteado do mar... Uma experiência na cozinha que correu muito bem... Em breve publico a receita no blog!
2. E por hoje já chega... Amanhã novidades no blog!
3. Aquela preguiça de sábado a noite... Só queres ficar deitada enrolada numa manta!
4. Alguma coisa me diz que ela está a tramar algo...
5. Tão nova e já espalha estilo... Imaginem como vai ser daqui por uns anos... Pela maneira como usa a mala dá para ver que aprendeu comigo!

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

sábado, 6 de abril de 2019

Tinha tudo para correr mal (30º Capítulo)

abril 06, 2019 19 Comments

Pois bem, apesar de já ter reparado que o Rodrigo não está a fazer tanto sucesso como a Eduarda, a verdade é que os leitores até estão a dar um feedback positivo, por isso decidi continuar com este narrador pelo menos mais alguns capítulos.
Aproveito para agradecer a todas as pessoas que todas as semanas partilham comigo as suas opiniões e ideias.


"Dei três voltas ao jardim sempre a correr e tomei um banho de água fria só para me acalmar. Convidei a Joana para jantar e passar a noite aqui em casa e ela disse que não. Ao que parece ela já tinha combinado ir tomar café com a Eduarda e com a Carlota e depois iam fazer coisas de mulheres. 

Tasse bem, vou até ao café, é provável que elas estejam lá, mas o Ivo e o Artur também deve  estar, por isso, não a estou a seguir. Estou a arranjar uma maneira subtil de a ver. Apenas isso.
- Boa tarde! - Digo sentando-me entre a Carlota e a Joana.
Juro que não foi de propósito, era a única cadeira vaga.
- Olá. - Respondem todos.
- Joana, lê isto! - Diz a Carlota passando a revista que estava a ler por cima de mim para a entregar à minha ruiva.
Minha? Ela não é minha e cada vez mais tenho certeza disso. Se fosse minha queria estar comigo, certo?
- O que é? - Pergunta a Joana, sinto cheiro do seu perfume, aquele que eu lhe dei.
- O novo artigo da Agente! 
- Hum boa! - Exclama a Joana lendo. 
- Qual é o tema desta semana? - Pergunta o Artur que aparentemente também não leu este ex-libris da literatura cor-de-rosa.
Já ouvi falar desta Agente. Aliás parece que toda a gente fala dela. É aquilo que todas as mulheres adoram e invejam. As que gostam de a ler querem ser como ela, as que não querem ser como ela, leem só por inveja.
- ... todas as mulheres devem pensar por si, devem ser autónomas. Nos dias que correm, em que a violência domestica parece ser uma constante e não uma exceção é importante ensinar às meninas, às adolescentes e às mulheres no geral que devem trabalhar e ser autónomas para não procurarem no marido um patrocinador, mas sim um um parceiro... - Lê a Joana.
Não sei há quanto tempo ela está a ler. Estou a pensar nesta mulher misteriosa que há mais de três anos tem encantado ambos os sexos pela sua abertura e frontalidade. 
Tasse bem, confesso que até eu gosto de a ler.
- ... E quando menos esperamos eis que o príncipe encantado se tornou num verdadeiro cavalo. Já não existe valentia nem coragem. Não existe humanidade. Nesse momento deixamos de ser mulheres para sermos apenas mais uma peça de mobiliário de uma casa, que já não é um lar, e onde a jarra horrorosa que os nossos amigos nos deram no natal, é usada como arma de arremesso durante uma discussão. - Continua o Artur que bastante interessado nesta personagem que ninguém conhece também começou a ler alto para que todos na mesa possam ouvir.
Esta tal Agente era capaz de me dar algumas dicas para entender o que se passa comigo. De certeza que ela me vai saber dizer se Joana gosta ou não de mim, de certeza que ela teria algo muito interessante a dizer.
- Bem tenho que ir. - Digo levantando-me, mas estão todos tão focados na revista que apenas me dizem um até amanhã débil.
Antes de ir para casa passo numa papelaria e compro uma revista igual à que eles estavam a ler. Existe um e-mail para contactar diretamente a Agente, sento-me em frente do computador e escrevo. Faço várias tentativas, mas em nenhuma consigo explicar direito aquilo que sinto. Está tudo tão confuso na minha cabeça. Será que se eu fosse mais inteligente como o Ivo, ou tão frio como a Eduarda conseguira perceber o que se está a passar? Eles parecem sempre ter a certeza de tudo...
Só o som da campainha me consegue tirar deste drama. Levanto-me chateado, são onze da noite, nunca ninguém me visita e quem me visita nunca usa a campainha. Abro a porta, e o meu coração começa a bater de forma acelerada, à minha frente, linda a perfeita como sempre está a minha ruiva e segura alguma coisa atrás das costas.
- Olá! Sei que não venho a tempo do jantar, mas posso passar cá a noite? - Pergunta ela tirando de trás das costas um pequeno saco de viagem onde de certeza trás as suas coisas.
Estou a rir como um idiota. Sei isso, sei que lhe devia dizer que não. Mas não preciso de ser tão inteligente como o Ivo para saber que só o iria fazer por vingança. 
Aproximo-me dela, tiro-lhe o saco da mão e dou-lhe um beijo.
- Chegaste mesmo a tempo. 
- De quê? - Pergunta ela enquanto entra dentro de minha casa.
- De nada! - Digo sorrindo. Não lhe vou dizer mais nada, se eu não entendo, ela também não vai entender. Mas não preciso de ser inteligente para perceber que o sorriso dela é verdadeiro. "

Se ainda não leram...

1º Capítulo | 2º Capítulo | 3º Capítulo | 4º Capítulo | 5º Capítulo | 6º Capítulo | 7º Capítulo | 8º Capítulo | 9º Capítulo | 10 Capítulo | 11º Capítulo | 12º Capítulo | 13º Capítulo | 14º Capítulo | 15º Capítulo | 16º Capítulo | 17º Capítulo | 18º Capítulo | 19º Capítulo | 20º Capítulo | 21º Capítulo | 22º Capítulo | 23º Capítulo | 24º Capítulo | 25º Capítulo | 26º Capítulo | 27º Capítulo | 28º Capítulo | 29º Capítulo |
 
Gostaram deste capítulo? Deixem o vosso feedback.

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

sexta-feira, 5 de abril de 2019

Inspirações para um home office

abril 05, 2019 19 Comments

Nos dias que correm é cada vez mais usual as pessoas trazerem trabalho para casa, ou terem pequenos trabalhos em casa para ganharem um extra, por isso ter um pequeno escritório em casa é cada vez mais uma necessidade.

1; 2; 3;
Falo por mim, quando regressei a casa dos meus pais, andei feita nómada em busca de um cantinho para criar o meu home office para conseguir trabalhar calmamente no blog. A minha melhor opção era aproveitar um cantinho do meu quarto para o efeito.

4; 5; 6;
Já o disse várias vezes, é mais fácil ser-se original com pouco do que com muito e como o meu quarto não era muito grande, tive que ser inteligente e aproveitar tudo, incluindo a mobília que já tinha e criar um cantinho confortável para trabalhar.
7; 8; 9;
Claro que o conceito de home office depende de pessoa para pessoa, e daquilo que elas precisam para trabalhar, contudo é normal que se possa reduzir este espaço a uma secretária, espaço para o computador, algumas gavetas, e quem sabe umas estantes.
10; 11; 12;
Se tiverem uma divisão especifica para fazer o vosso home office, conseguem ter mais liberdade na escolha de cor e mobília, contudo se tal como eu existe a necessidade de criar um cantinho numa outra divisão o ideal é seguir a mesma linha de decoração e cores, para permitir que exista alguma harmonia. 
13; 14; 15
E vocês, como organizam o vosso home office?

Acompanhem as novidades através do Facebook | Instagram | Twitter |

Instragam