Translate

sábado, 29 de setembro de 2018

Tinha tudo para correr mal (4º Capítulo)

setembro 29, 2018 18 Comments

Antes de mais tenho que agradecer a todos pelo incentivo que me tem dado para continuar esta história.
Estou a pensar fazer alguns posts onde vou explicar como é que os sete amigos se conheceram, o que acham da ideia? Gostariam de ver a história escrita no passado?

"Cheguei ao café ainda com as calças sujas nos joelhos por ter estado ajoelhada por baixo da mesa do café. Pelo menos tinha conseguido dar um jeito ao cabelo e já não parecia um ouriço mal disposto. Agora só parecia uma mulher mal disposta (nada de novo, não é?)
A Carlota e o Artur conversavam animadamente na esplanada habitual e fitaram-me com um misto de curiosidade e choque.
- O que é que te aconteceu? - Perguntou o Artur assim que me aproximei da mesa.
- Acredita que nem te passa pela cabeça, as voltas que dei hoje. - Respondi sentando-me.
- Andaste a arrumar a casa? - Questionou a Carlota com um sorriso malandro.
- Não propriamente, mas andei a limpar algum pó... Literalmente - Achei melhor colocar o literalmente na frase não fosse a Carlota pensar que me aquilo era alguma metáfora ordinária. - Então Artur como é que correu o teu dia?
- Correu bem, comprei uns sapatos!
Os malditos sapatos!
- E mais nada?
- Não, mas a que é que se deve tanta simpatia? Nem parece teu.
Limitei-me a fazer uma careta e deixar a conversa morrer ali.
Morreu a conversa e a minha esperança de descobrir mais alguma coisa sobre o "meu amigo comprometido".
- Ei!!! Vistes da guerra? - Perguntou a Joana assim que se sentou na cadeira à minha frente.
- A nossa menina anda cheia de mistérios. - Acrescentou o Artur levantando-se e despedindo-se de nós as três. Nem ele imagina o tamanho destes mistérios!
- O que é que andaste a fazer de joelhos minha menina? - Perguntou a Joana assim que o Artur se afastou.
- Hum vou dar duas pistas. - Disse eu com sarcasmo - Não foi sexo oral nem estive a rezar!
A Carlota não controlou a gargalhada, deixando a Joana ainda mais curiosa, por isso acabei por lhe resumir o meu encontro com o "amigo comprometido". O resumo foi fácil de fazer tendo em conta que passei o encontro todo escondida por baixo da mesa, com o Artur a tagarelar.
E se por um lado a Joana se ria a bandeiras despregadas, a Carlota fitava-me com uma expressão que variava entre a incredulidade e o divertido, passando por vezes pelo choque. Mas não sei bem!
- Não faças essa cara. - Pedi-lhe.
- Mas e depois do beijo o que é que aconteceu? - Perguntou a Joana ainda a rir.
É óbvio que a minha história é divertida... Pelo menos apara alguém. Ao menos isso!
- Meti-me no carro e vim embora!
- Assim, sem mais nem menos? - Perguntou a Carlota arregalando os olhos.
Olha aqui a sua expressão de choque. Outra vez! Até parece que eu cometi um crime.
- Claro que não, aproveitei para mandar um vasinho para decorar a casa que ele tem com a namorada!
- Oh não era isso que eu queria dizer! Mas nem lhe ofereceste boleia nem nada? - Continuou a Carlota.
Não sei onde é que ela vai buscar estas coisas, mas é um dom natural.
- Ia ser giro dar-lhe boleia até casa e ver como é que ele ia explicar isso, caso a namorada o visse sair do carro. - Brinquei.
- Podia sempre dizer que eras da Uber! - Gozou a Joana.
- O carro da Eduarda não dava a a Uber! - Exclamou a Carlota numa óbvia critica ao meu carro velhinho - O carro da Joana é que dava para a Uber - Agora referia-se ao bruto Volvo que a Joana tinha. Foi mesmo que comprar o Bucha ao Estica!
- Sabes, nem toda a gente é acompanhante de luxo! - Respondi eu, depois fitei a Joana que estava a divertir-se com a situação e acrescentei. - Sem ofensa!
- Não ofendeste!
- Mas quando é que o vais voltar a ver?
- Eu sei lá...
- Quando ele e a namorada terminarem as mudanças. - Brincou a Joana fazendo-me rir.
- Então o que é que vais fazer agora?
- Hum... Fumar um cigarro e tomar o meu café? - Perguntei com sarcasmo.
- Tu percebeste...
- Não há muito que possa fazer pois não? Por isso, como em tudo na vida, nem me vou chatear com o assunto. - Encosto-me à cadeira e relaxo.
- Bem, vou embora, tenho um cliente daqui por uma hora e ainda tenho que arranjar. - Disse a Joana levantando-se depois fitou-me e acrescentou. - Sabes como é, ele é casado, mas felizmente não corro o risco de me cruzar com a mulher dele... Ela mora em Coimbra e ele está cá em negócios.
Tive que me rir, enquanto a Carlota soltava uma exclamação admirada.
- Admiro a normalidade com que ela fala do seu trabalho... Quer dizer ela fala dos seus clientes com a mesma facilidade com que eu registo um saco de batatas!"


Se ainda não leram...

1º Capítulo | 2º Capítulo | 3º Capítulo |

 

 Espero que tenham deste novo capítulo. Fico à espera do vosso feedback.


Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.    

sexta-feira, 28 de setembro de 2018

Hora da Póóóchete#104

setembro 28, 2018 28 Comments
Detesto fazer aquelas conversas de circunstância baseadas no socialmente correto, por isso no outro dia numa festa consegui uma saída de cena fabulosa.
Eu (pegando no meu copo): Vou buscar outra bebida para me manter hidratada, afinal de contas as flores sem água ficam murchas.

Toda a gente se riu, mas nunca mais apareci em cena.

Acompanhem as novidades no Facebook, e no Instagram.      

quinta-feira, 27 de setembro de 2018

Porque é que as crianças não devem ver a "Porquinha Peppa"

setembro 27, 2018 19 Comments
Muito se tem dito sobre os famosos desenhos animados "A Porquinha Peppa" e se antigamente a polémica era sobre a história tenebrosa que originou estes desenhos, agora a polémica anda em torno dos maus exemplos que este desenho animado transmite.

"A porquinha Peppa" é emitido em muitos países e um pouco por todo o mundo pais proibiram os filhos de ver estes desenhos animados pois ao que parece, eles transmitem comportamentos inadequados, entre eles:
- Síndrome de superioridade;
- Imposição da sua vontade, ignorando a opinião dos outros;
- Grosseira;
- Competitividade doentia;
- Intolerância;
- Falta de respeito;
- Inveja;
- Arrogância;
- Orgulho
Eu própria vi alguns episódios da "porquinha Peppa" antes de escrever este artigo e posso garantir que todos os tópicos acima mencionados foram encontrados facilmente.
É de relembrar que este tipo de desenhos animados é visto maioritariamente por crianças com cerca de 3 anos e estudos apontam que esta é a idade onde os modelos mentais são fortemente criados, por isso existe uma forte possibilidade de as crianças copiarem aquilo que veem na televisão.

Como vos disse para escrever este artigo dediquei algumas horas a ver alguns canais infantis e além de "A Porquinha Peppa" dou a minha avaliação negativa a "Masha e o urso". e a minha avaliação positiva à "Patrulha Pata".

E vocês, partilham esta opinião sobre estes desenhos animados? Deixam os vossos filhos ver?

Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.

quarta-feira, 26 de setembro de 2018

A realidade dos animais abandonados e das associações que os acolhem

setembro 26, 2018 28 Comments

Agora que a euforia das férias e do regresso às aulas parece ter terminado, está na hora de mais uma vez enfrentar uma dura realidade: o abandono de animais.
A pergunta que eu fiz o ano passado foi: Mas afinal o abandono está a acabar?
Infelizmente a resposta é a mesma no ano passado: Não, não está!
Mesmo com todos os apelos que são feitos são abandonados inúmeros animais ao longo do ano, e só a Associação Midas acolhe anualmente entre 250 a 350 animais. Por isso a questão que se coloca é: Estaremos a fazer o suficiente pelos nossos animais?

Tal como aconteceu o ano passado, informei-me junto da Associação Midas, e mais uma vez a história repete-se:

2015 - 53 animais acolhidos pela instituição.
2016 - 107 animais acolhidos pela instituição.
2017 - 71 animais acolhidos pela instituição.
2018 - 42  animais acolhidos pela instituição.

E se por um lado os números parecem animadores, as informações que vos vou dar de seguida vão fazer qualquer um perder a vontade de celebrar. Primeiro porque a redução drástica do número de animais recolhidos diminuiu não porque o abandono diminuiu mas porque a própria instituição atingiu o seu limite.
Como devem imaginar o numero de espaço é limitado e sem espaço não é possível aceitar novos animais, o que lhes acontece depois? Bem resta desejar o melhor. Só para terem uma breve noção desta realidade da falta de adoção, só na Midas, a população idosa é superior a 80% (ou seja animais com mais de 16 anos), ou seja, como ninguém os quer adotar, não é libertado espaço para receber novos animais.
Além disso os próprios apoios são limitados e as ajudas de custo da Associação estão pendentes da ajuda e do apoio de particulares.
Acho que dá para pensar... Não dá?

Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.

terça-feira, 25 de setembro de 2018

8 Causas para as manchas no rosto

setembro 25, 2018 24 Comments
Recentemente uma marca de cosmética fez um estudo onde se concluiu que uma em cada duas mulheres tem manchas no rosto.
A hiperpigmentação do rosto pode ser tratada facilmente como não tenham passado mais de seis meses desde o aparecimento da mancha.
Esta hiperpigmentação do rosto pode dever-se a vários motivos entre eles:
  1. Toma de medicação fotossensibilizante
  2. Menopausa;
  3. Exposição solar descuidada;
  4. Distúrbios da tiroide;
  5. Gravidez; 
  6. Predisposição genética;
  7. Alterações hormonais; 
  8. Dietas drásticas e inadequadas.


Podemos evitar o aparecimento de manchas aplicando durante todo o ano protetor solar e evitando nos meses mais quentes exposição solar nas horas de maior calor.

Caso detetem uma mancha ao alteração na vossa pele, o ideal é visitar um dermatologista.

Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.

segunda-feira, 24 de setembro de 2018

#Resumo da Semana nº38/2018

setembro 24, 2018 48 Comments

Esta vai ser a minha última semana de trabalho e ao contrário do que estava à espera, estou com um aperto no coração. Nunca gostei tanto de um trabalho como gosto deste, e a verdade é que com o passar dos dias as amizades vão surgindo, e conhecemos pessoas verdadeiramente especiais. Espero não estar a cometer um erro, mas isso só o futuro dirá.
Quero agradecer às pessoas que ao longo da semana me perguntaram pelo estado da Egas. A minha "mais nova", está boa e a recuperar bem, alguns atrasos na cicatrização e mais uma semana com o "funil" deve ser o suficiente.

Legenda:

1. Facto da vida n61: Não sou boa conselheira... Mas posso responder com comentários sarcásticos, serve?
2. “Uff ainda bem que chegaste, já estou cansada de aturar a gata!“
3. A minha parabólica favorita!!!
4. OK eu confesso, eu sofro de uma adição... Por sapatos!
5.Porque as curvas dos meus cabelos também merecem cuidados especiais! Vejam no blog (link na bio) e o meu feedback sobre este produto fabuloso!

Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.

sábado, 22 de setembro de 2018

Tinha tudo para correr mal (3º Capítulo)

setembro 22, 2018 10 Comments

Confesso que estou muito feliz por estarem a gostar da história. As critica tem sido muito positivas o que me dá cada vez mais vontade de continuar.

"Aproveitei a viagem de elevador para me ver mais uma vez ao espelho. Calças de ganga, uma camisa e um blazer que me favorecia a cintura.

Nada mal!
A maquilhagem estava simples e favorecia os meus olhos verdes. O meu cabelo curto estava todo espetado (estilo ouriço) e a repa estava esticada. Notava-se bem as madeixas loiras e o bâton escuro favorecia-me bastante.
Resumindo, fiz um bom trabalho!
Cheguei ao café um pouco antes da hora marcada, sentei-me na mesa mais escondida mas com uma boa visão da porta. Estava a meio do meu café quando ele entrou, procurou-me e sentou-se à minha frente. Eu estava paralisada, ele era ainda mais giro ao vivo e a cores!
Oh aqui está a famosa faísca! Eu não estava errada havia aqui muita, mas mesmo química! Até eu que durante dos anos de escola nunca tinha sido boa a química conseguia perceber que aqui havia química e muita reação entre dois corpos que se atraem!

A conversa estava fluir e finalmente estava a sair dos banais "olá tudo bem, que tens feito?" quando pelo quanto do olho vi a porta do café abrir.
Instantaneamente deixei de ouvir o meu amigo comprometido, as mesas do café rodavam à minha volta, acho que o meu coração parou de bater. Qual era a probabilidade de isto acontecer!?
Era bem provável que eu estivesse, roxa, amarela ou azul... Ou então estava das três cores, não acreditava quem tinha entrado. Na porta a fitar os bolos na montra estava o meu melhor amigo, o Artur!
Olhei outra vez antes de deixar de respirar, ali estava o Artur com o seu fato de corte perfeito, o seu cabelo preto ondulado e impecavelmente penteado. Era dos homens mais elegantes que eu conhecia, e também era o mais gay... OK, em minha defesa devo dizer que ele é o único gay que conheço.
Olhei novamente em volta. Não havia escapatória possível, para chegar à saída ou à casa de banho tinha que passar pelo Artur. Então levada pelo pânico escondi-me debaixo da mesa.
- O que é que estás a fazer? - Perguntou o "meu amigo comprometido". - Não te imaginava tão atrevida!
- Cala-te! - Ordenei dando-lhe um murro na perna - O gajo que acabou de entrar é meu amigo e não quero que ele me veja contigo!
Foram uns segundos de silêncio como se ele estivesse a fitar a porta...
- Artur!!! - Exclamou o meu amigo.
- Olá meu, que fazes por aqui? - A voz do Artur estava a aproximar-se.
A minha primeira pergunta foi:
Como é que estes dois se conhecem?
Ah! Espera lá o Artur conhece meio mundo e a outra metade conhece-o a ele.
Segunda pergunta:
Será que ninguém limpa o chão por baixo das mesas?
Tendo em conta o cotão, é provável que não.
Estava com as mãos sujas, despenteada e o Artur tinha-se sentado naquele que tinha sido o meu lugar e pelos vistos não estava com pressa de ir embora.

- Estava à espera de uma pessoa, mas acho que ela não vem! - Disse o "meu amigo comprometido". - Mas e tu, o que é que fazes aqui?
- Vim encomendar uns sapatos aqui na loja ao lado. Aproveitei que ainda tenho algum tempo para tomar um café.
- Ainda bem que a gente se encontrou! Sempre vai dar para colocar a conversa em dia!
Boa Amigo! Sempre desejei estar de rabo para o ar, debaixo de uma mesa cheia de pó, enquanto o meu melhor amigo e o sujeito com quem eu não me deveria envolver "colocam a conversa em dia".
- Então e a tua namorada está boa?
A sério Artur!??? Por favor cala-te e não tornes a situação pior.
- Está boa! Vamos morar juntos!
Piorou drasticamente, se eu me conseguisse mexer ia de certeza absoluta bater com a cabeça na parede!
Senti um chuto no meu rabo.
O meu amigo gay decidiu cruzar a perna.
- Oh desculpa! - disse o Artur.
- De quê?
- Então chutei qualquer coisa por baixo da mesa...
Dei uma sapatada na perna do meu amigo/inimigo/não o sei o que lhe fazer só para lhe lembrar que eu ainda estava ali.
- Deve ter sido a perna da mesa. - Explicou o "meu amigo comprometido".
- Parecia fofo de mais para ser a perna da mesa, mas ok.
Ah boa! A minha situação é má, deprimente e lamentável, mas pelo menos o meu rabo é fofo! Já recuperei a esperança num futuro risonho como modelo de cuecas!
Finalmente as despedidas começaram, e depois,  percebi que o Artur se tinha afastado. Algum tempo depois o "meu amigo comprometido" espreitava para baixo da mesa e ria-se. Ajudou-me a sair de baixo da mesa e fitava-me com um ar divertido. Eu estava uma lástima!
- Bem suponho que hoje vamos ficar por aqui...
- Hoje e talvez nos próximos tempos...
- Edu, estás a dizer porque estiveste debaixo da mesa, e estás despenteada e suja... E mal disposta!
- Até pode ser, mas é melhor assim.
Estiquei-me para lhe dar um beijo na cara, mas depois disso ele agarrou-me e beijou-me. Estava a ser o melhor beijo da minha vida, aqueles beijos que vimos no cinema e que nos cortam a respiração.
Queria flagelar-me por estar a gostar tanto, e depois passou-me pela cabeça que até podia ser ele a flagelar-me numa sessão de sexo louco e despido... Ai!
Afastei a ideia, e afastei-me dele, ficamos a olhar um para o outro até eu me afastar."

 

Se ainda não leram...

1º Capítulo | 2º Capítulo |

 

E então, estão a gostar? O que acham que vai acontecer a seguir?

 

Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.     

A Isy completa as frases

setembro 22, 2018 16 Comments

Vi a Magui do blog "Este blog tem dias" responder a este desafio no seu cantinho, e eu pensei "porque não leva-lo comigo?". Foi o que eu fiz, curiosos?

Sou muito... Sarcástica.
Não suporto... Pessoas burras e "chicas-espertas".
Eu nunca... Usei crocs.
Eu já... Ri numa situação inapropriada.
Quando era criança... Adorava passear com a minha mãe (e ainda adoro).
Neste exato momento... Estou a responder a esta pergunta!
Eu morro de medo de... Envelhecer e ficar sozinha.
Eu sempre gostei... De comer.
Se eu pudesse... Os meus pais eram imortais.
Fico feliz... Quando estou em casa com os meus pais, com a Becas e com a Egas.
Se pudesse voltar no tempo... Não voltava.
Adoro... Rir.
Eu preciso de... Dormir e relaxar.
Não goste de ir... Seja onde for se estiver contrariada.

E vocês, aceitam o desafio? Toca a leva-lo para o vosso blog!

Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.

sexta-feira, 21 de setembro de 2018

10% de desconto na Escapeshoes

setembro 21, 2018 22 Comments

Tenho uma confissão a fazer.
Eu tenho um problema grave. Quer dizer, não é bem um problema mas sim um vício.
Se viram o post que publiquei esta manhã com a tour pelo meu quarto de certeza que repararam que eu tenho uma quantidade um pouco exagerada de calçado, mas que posso dizer, eu adoro calçado e não resisto a uns sapatos, umas botas e botins.

1; 2; 3; 4
Participar no programa de afiliados da Escapeshoes para mim é uma mais valia, porque além de ter 10% de desconto nas compras, posso também oferecer um código com 10% aos meus leitores que sejam ou queiram vir a ser tão viciados em calçado como eu.


Estes quatro modelos são apenas algumas das minhas preferências, mas de certeza que se visitarem o site vão encontrar algo que gostem.


8CH64RIX
Desconto 10%


Depois não digam que eu não sou amiga!



Este texto foi pago ou patrocinado.


Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.

Tour pelo meu quarto

setembro 21, 2018 20 Comments
Quando decidi fazer este post existiram duas perguntas que me ocorreram:
1º Vou ter que arrumar o quarto?
2º Como é que será que ficaria mais giro, um post em vídeo ou com fotografias?

Acabei por optar pelas fotografias, porque para ser sincera acho que ainda tenho que "estudar" a parte de criar vídeos porque realmente foi algo que apesar de ter aprendido na faculdade nunca desenvolvi muito, e sei que é uma lacuna. Já agora alguém quer deixar dicas?

Vista do quarto a partir da janela, ou seja, os armários(que já vos mostro por dentro), a cabeceira da cama e a entrada.
Esta estante como podem ver fica do lado direito da cama e é um dos meus orgulhos. A sapateira está ao lado dos armário por trás da porta.
Como prometido, aqui está a parte de dentro de dentro dos armários, como podem ver eu tenho um problema grave com sapatos e malas.
A minha secretária, ou seja o fabuloso lugar onde vos escrevo estes maravilhosos posts, e onde Egas come (sim porque tem que ser num sitio onde a Becas não chegue). Não estranhem a mantinha na cadeira, mas ali é a cama da Egas também. Eu bem lhe arranjei uma, mas ela prefere dormir onde eu ponho o rabo todos os dias.

E finalmente a minha cómoda, onde me arranjo e guardo os produtos de beleza, maquilhagem e para o cabelo.

Como podem ver o meu quarto não é muito grande. Quando voltei para casa dos meus pais tive que me adaptar da melhor maneira, e transformar o escritório num quarto. Acho que fiz um bom trabalho não acham?
 

E vocês como é o vosso quarto?

Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.

quinta-feira, 20 de setembro de 2018

Ornitofobia - O que é e como é que eu vivo com isso

setembro 20, 2018 34 Comments
Já vos falei várias vezes de fobias, e também já vos contei que sofro de ornitofobia, mas afinal o que é que isso é, e como é que se vive com essa fobia?
O que é uma fobia?
Primeiramente é importante perceber o que é uma fobia, e neste caso falamos de um medo irracional de determinados objetos, características ou animais. Falamos de um medo fora de proporção com as circunstâncias existentes.

Em que consiste a ornitofobia?

A ornitofobia é o medo irracional de aves, o que leva as pessoas que sofrem desta fobia a sentirem-se extremamente desconfortáveis em relação a aves.
Este desconforto varia de pessoa para pessoa, por isso algumas só sentem medo de determinado tipo de aves (ex: rapina, grande porte...) ou então pode ser um medo generalizado.
Na maioria dos casos, a ornitofobia surge na infância e tende a desaparecer com o tempo, porém em alguns caos pode durar toda a vida.

Como é viver cm ornitofobia?
Confesso que quando era mais nova tinha mais dificuldades em lidar com a fobia até porque nem sempre é possível evitar o contacto com as aves. Agora já aprendi a não fugir, mas fico sempre num estado de ansiedade tão grande que por vezes fico com a sensação que vou desmaiar se uma pomba se aproxima ou faz um voo mais perto de mim.
Com a idade adulta aprendi a evitar sítios onde fique mais exposta a aves, mas a não ser que esteja fechada em casa não o posso evitar completamente.
O pior é mesmo quando a ave surge repentinamente, nesses casos é impossível manter-me calma e é mesmo muito assustador e já tive altura que pensei mesmo que ia morrer de medo. Tirando essas situações por norma consigo manter a calma e afastar-me da ave sem problemas.

Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.

quarta-feira, 19 de setembro de 2018

6 vestidos plus size que ficam sempre bem

setembro 19, 2018 31 Comments
Quando falamos em vestidos de gala, o que habitualmente nos vem à cabeça são vestidos elegantes e femininos. Porém essa imagem está também muitas vezes de forma errada, associada a mulheres de corpos esculturais, e "menos reais".
O que vos desafio a fazer hoje, é olhar para os normais long formal dresses (vestidos longos e formais) de uma forma diferente. Hoje vamos escolher vestidos com medidas grandes e provar que a moda plus size pode ser igualmente elegante e feminina.
Para a minha seleção de modelos, fui ao site Formal Dress Australia e escolhi aqueles que para mim são os melhores de sempre, e que eu usaria sem pensar duas vezes.

1; 2; 3; 4; 5; 6.

Como podem ver, eu gosto particularmente de modelos fluidos e de tecidos mais leves para que os mesmos não mostrem as "gordurinhas" extra, mas ao tempo gosto de modelos que favoreçam a parte do busto e do peito.
Dependendo das curvas do corpo e do tom de pele, acho que os plus size formal dresses, podem e devem usar e abusar das cores, ao contrario de muitos modelos ditos normais que muitas vezes podem ser bonitos, mas cuja cor pode deixar muito a desejar, no caso dos vestidos plus size as cores podem jogar muito a favor e transmitir uma boa vibe sobrem quem veste.
 Os vestidos mais justos, apesar de não serem dos meus favoritos, também são uma boa opção desde que quem o esteja a vestir se sinta confortável.

Pessoalmente estou a aprender a gostar desta moda plus size, e estes vestidos para mim foram uma verdadeira inspiração. Não acham?

Gostaram destes vestidos? Qual é o vosso vestido favorito?



Este texto foi pago ou patrocinado.


Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.

7 do momento... nº47

setembro 19, 2018 21 Comments

Desde junho que não partilhava as minhas sugestões com vocês (shame on me)! Mas agora estou de volta, com mais "7 do momento",por isso tomem nota:

Começo o meu leque de sugestões por vos falar de uma série que se tornou numa das minhas favoritas. "2 Broke Girls" é uma série fabulosa e muito bem conseguida. Adoro o humor inteligente e as personagens características que sendo todas diferentes se completam de uma forma espetacular. É impossível não adorar o sarcasmo da Max e a ingenuidade da Caroline. Foi mesmo uma pena ter sido cancelada.
As minhas sugestões cinematográficas recaem, como já tem vindo a ser usual em filmes de terror. "Cabin Fever" um filme de 2002, dirigido por Eli Roth (produtor dos famosos filmes Hostel e Hostel 2), e acreditem em mim, tem um lado inquietante quando um grupo de cinco que alugou uma cabana na floresta começa aos poucos a detetar não só acontecimentos estranhos, mas a sofrer de uma estranha doença que lhes vai correndo a pele de uma forma assustadora.
Outro dos filmes que vi recentemente e que vos queria sugerir é o famoso "Raw". Este filme de 2016, dirigido por Julia Ducounau levou muitas pessoas a sair das salas de cinema, e foi aclamado como um dos mais assustadores filmes de sempre. Pois bem, pessoalmente achei o filme um pouco forte, com algumas cenas que podem mexer com as pessoas mais sensíveis, mas depois de ler, e ouvir tanta coisa dita sobre o filme confesso que esperava algo pior. De qualquer forma devo avisar que tenho uma certa imunidade aos filmes de terror e não quero por isso que as pessoas o vejam a pensar que é "leve" porque não é.

"As Horas de Vigília" é um filme que gera alguma controvérsia, pois apesar de ser um filme de terror, creio que esta história se enquadra mais num drama familiar. O filme de 2017, dirigido por Karen Moncrieff, conta a história de um casal divorciado que perdeu o filho num trágico acidente de carro. Contudo 10 anos após o trágico acidente, um evento sobrenatural volta a reunir esta família.

 A minha primeira sugestão literária destes "7 do momento", é o livro "Ponto de Pérola" de Stefania Bertola. Este livro foi uma pequena surpresa. Comprei-o ao preço da chuva num alfarrabista e não esperava nada de mais, mas a história de uma jovem pasteleira, a sua amiga em busca do futuro ideal, o médico mulherengo, o amigo que faz tudo para agradar à namorada e o patrão jeitoso, acabam por nos conquistar quando em jogo está o sucesso da pastelaria onde trabalham.

Outra das minhas sugestões é o verniz extreme da Andreia. Finalmente as minhas unhas começam a ter um aspeto mais saudável e já consigo manter um certo comprimento o que me permite pintar com mais frequência. Para dar um efeito gel e um acabamento perfeito uso este verniz, e não o dispenso.
"Uma Mulher em Fuga" é mais uma aposta ganha da Lesley Pearse (que nunca me desilude), e conta a história de Rosie, uma menina com uma infância complicada que se vê obrigada a fugir e a mudar de identidade quando o pai e o irmão são acusados de matar a sua madrasta. Mas até os melhores segredos podem ser descobertos e Rosie acaba mesmo por correr risco de vida, numa altura em que finalmente ela conseguia ter a vida com que sempre sonhou.

 

Já conheciam estas sugestões? Qual foi a vossa sugestão favorita?

Acompanhem as novidades no Facebook, e no Instagram

terça-feira, 18 de setembro de 2018

Hora da Póóóchete#103

setembro 18, 2018 20 Comments
Tenho uma espécie de grupinho numa das salas de chat do IMVU. No outro dia estávamos reunidos a conversar sobre comida quando um rapaz entrou e decidiu meter-se na nossa conversa.

Eu: Estou com fome!
Sujeito: Podes-me comer a mim se quiseres.
Eu: Nah! Sou contra o canibalismo!
Sujeito: Oh é uma pena...
Eu: Acredito que sim, mas com tanta carne de vaca por ai espalhada não existe mesmo necessidade nenhuma de virar canibal.
Sujeito: Não gosto de carne mastigada.
Eu: Meu caro, acho que estás a confundir carne normal com carne moída! Já deu para ver que não és grande coisa na cozinha.

Ele saiu chateado e eu e o meu grupinho ficamos a rir. Mais um dia de diversão! Mais um dia de alegria e diversão no IMVU.

Acompanhem as novidades no Facebook, e no Instagram.      

segunda-feira, 17 de setembro de 2018

#Resumo da Semana nº37/2018

setembro 17, 2018 29 Comments

Antes de mais quero agradecer a todas as pessoas que durante esta semana me perguntaram pela Egas. Apesar de ainda não estar completamente recuperada, ela está bem melhor, os pontos externos abriram, mas felizmente os pontos internos já estavam completamente cicatrizados. Esta semana vamos ver se a ferida fecha por completo para ela voltar à sua vida normal.
Ainda devem estar recordados que eu a semana passada falei de mudanças, pois bem, está na altura de vos contar o que ando a planear. A semana passada apresentei a minha carta de demissão, e agora vou decidir o que vou fazer a seguir, talvez estudar ou assim, mas primeiro vou tirar uma ou duas semanas para organizar a minha vida. Mas isso é algo que para já só quero pensar depois.

Legenda:

1. Facto da vida n60: Chegamos a uma idade em que a coisa mais louca que queremos fazer na cama é dormir mais de 6 horas seguidas!
2. Hum... Uma das 7 maravilhas da culinária.
Se quiserem a receita, passem pelo blog (link na bio) e experimentem, vão ver que não se vão arrepender.
3. Acho que nunca vos tinha mostrado uma casa de banho medieval... Depois não digam que nunca vos ensino nada!
4. Quem inventou a expressão “Darem-se mal como o cão e o gato“ obviamente que não conheceu estas duas!
5. Sugestão para o jantar: Massa com carne picada e milho de natas com camarão.
6. Foi uma das semanas mais complicadas do ano, mas apesar do cansaço consegui chegar ao fim. Curiosos‘ Então passem pelo blog (link na bio) e saibam o que se passou.


Acompanhem as novidades no Facebook, e no Instagram.   

Embelleze Portugal: Cuidados com o cabelo (11)

setembro 17, 2018 18 Comments
Através das fotografias que publico já devem ter reparado que o meu cabelo é liso com tendência a ter ondulações com muita facilidade.
Por esse motivo, eu andava tentada a experimentar o creme para pentear "Meus Cachos" da Novex pois ela tem sido apontada como uma das melhores para cabelos cacheados e/ou com ondulações.

O que é?
Estamos a falar de um creme para pentear idealizado para tirar o peso que os cabelos cacheados vão acumulando ao longo do dia, entre eles a poluição, o sol o vento e em alguns casos o excesso de química. Assim o cabelo fica mais leve e bonito por mais tempo!

Mas como é que o "Meus Cachos" resolve isso?
O que a marca fez foi misturar o famoso óleo de ojon (conhecido e usado como protetor térmico, entre outras coisas), com o óleo de monoi, que além de hidratar, repara e protege o cabelo. Nunca foi tão fácil ter cachos bonitos e definidos.

Como usar?
1º Antes de usar o creme para pentear, retirem o excesso de água dos fios recorrendo a uma toalha mas sem esfregar.
Desembaracem o cabelo com um pente. Comecem nas pontas e vão subindo em direção à raiz.
3º Espalhem o creme na raiz e continuem ao longo do comprimento do cabelo.
4º Para que os cachos fiquem bem definidos, amassem os fios com as mãos e formem uma concha e segurem assim por três segundos. Soltem e vejam o efeito.

A minha opinião:
Existem duas coisas que eu valorizo nos produtos capilares uma delas é a capacidade de desembaraçar os fios e os hidratar e outra é cheiro que fica no cabelo. Mais uma vez a Embelleze Portugal superou as minhas expectativas.
Devo sublinhar que o meu cabelo é apenas ondulado, as ondas ficavam bem definidas e elegantes por mais tempo quase de forma natural, porém não posso dizer se faz ou não o mesmo com os cachos. Seja como for, não existe nada como perder o medo e experimentar.




Este texto foi pago ou patrocinado.


Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.

sábado, 15 de setembro de 2018

Tinha tudo para correr mal (2º Capítulo)

setembro 15, 2018 16 Comments

Fiquei muito feliz com as vossas reação ao primeiro capitulo da história, e espero mesmo que ela continue por muito tempo e com vários capítulos. Prontos para mais um?

"Respira!
Inspira... Expira...
Preciso de um conselho, mas qual destas seis criaturas tem mais juízo que eu? Vamos lá analisar:
Hipótese A: Falar com a Ana - No mundo cor-de-rosa dela é impensável uma mulher sair com um homem comprometido... E provavelmente tem razão! Além disso é provável que depois vá contar ao Ivo, e toda a gente sabe como é que os homens são!
Hipótese B: Falar com o Ivo - Nem vale a pena tentar, ele ia contar tudo à Ana.
Hipótese C: Falar com o Artur - Ele conhece meio mundo e a outra metade conhece-o a ele, acho que é uma das vantagens de se ser gay.
Hipótese D: Falar com o Rodrigo - Nem morta vou ter esta conversa com o tipo que come tudo o que mexe. Além disso era bem provável que ele me perguntasse se o "meu amigo comprometido" tinha uma amiga jeitosa para um encontro a quatro.
Hipótese E: Falar com a Carlota - Ela não percebe nada de homens e de relações! Boa! A falta de experiência dela é o que eu preciso para me demover desta loucura!
Hipótese F: Falar com a Joana - O excesso de experiência dela com os homens também pode servir para me dar bons conselhos. Afinal quem melhor do que uma acompanhante de luxo para dar concelhos no que toca a homens comprometidos?
Já tenho vencedora! Levantei-me e fui até à casa de banho, lá dentro fechei a tampa da sanita e sentei-me sobre ela com os pés por baixo do rabo. Mandei mensagem à Carlota e esperei.
Continuei à espera, enquanto pensava, na minha figura naquele momento. Em que parte da minha vida é que eu falhei para estar sentada numa casa de banho pública à espera da Carlota?!
A porta abriu-se mas foi a Joana que entrou, Menos mal, também serve!
- Ah cá estás tu, pensei que tinhas sido engolida pela sanita!
- Não fui, mas já faltou mais. - Respondi olhando para a minha postura. Obviamente que stilettos não são boa ideia quando se tem uma vida tão emocionante.
- Não me vou sentar numa sanita, mas podemos falar sobre isso... Seja lá o que for isso que te obriga a estares sentada numa sanita como um buda feliz, mas com cara de cachorro que não comeu biscoito!
Fiquei a pensar na metáfora do cachorro, seria a minha situação assim tão lamentável? Pois bem, já ia descobrir, depois de lhe resumir o melhor que consegui desde como eu e ele nos conhecemos à química que tínhamos e ao facto de nunca nos termos conhecido porque ele tinha namorada.
- O que é que vais fazer? - Perguntou a Joana retocando a maquilhagem.
- Se eu soubesse o que fazer não estava sentada numa sanita!
Ainda não tinha acabado a frase quando a Carlota entrou a correr na casa de banho.
- Desculpa, só vi a mensagem agora! - Disse ela olhando para mim como se eu fosse um alien que tivesse aterrado na casa de banho das senhoras.
Felizmente a Joana fez o resumo da situação e quando acabou os olhos castanhos da Carlota quase saltava para fora das órbitas, mas voltou ao normal e começou a debater com a Joana os prós e contras da minha situação como se eu não estivesse lá.
Boa! Sentia-me cada vez mais insignificante! E pior que isso continuava sentada na sanita quando a Joana saiu da casa de banho linda e maravilhosa como sempre.
- A Joana tem razão. Se nenhum de vocês consegue ignorar a química que existe entre vocês à mais de um ano, vai ao encontro e vê como corre, para já é só um café...
OH meu Deus o alien não sou eu, o alien apoderou-se da Carlota!
- Além disso, teoricamente não estás a fazer nada de errado... - Continuava ela.
Não estou?
- Não és tu que estás a trair, é ele. Se não for contigo ele vai trai-la com outra...
Era suposto isso fazer-me sentir melhor?!
- Pergunta-lhe se ele tem a certeza das consequências e vai com calma.
Engraçado vi a boca da Carlota mexer, mas ainda não acredito que foi ela que falou.

Ainda atordoada com a possessão da Carlota voltei para a mesa na esplanada onde a conversa já estava na despedida de solteiro do Ivo. Claro que o Rodrigo já estava no controlo das operações.
- E nem penses em trazer aqueles teus amigos que se vestem de mulheres! - Avisou apontando para o Artur.
Estavam eles a falar de strippers, de bolos e de strippers que saem dos bolos quando mandei uma mensagem ao "meu amigo comprometido" que apenas dizia "podemos tomar café, mas primeiro temos que falar sobre isso."

 

Se ainda não leram...

1º Capítulo |


Espero que tenham gostado deste capítulo... Alguém quer lançar palpites?

 

Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.    

sexta-feira, 14 de setembro de 2018

Hora da Póóóchete#102

setembro 14, 2018 40 Comments

No meu trabalho sempre que alguém faz anos, a equipa reúne-se num canto da sala para cantar os parabéns e comer uma fatia de bolo.
Foi isso que aconteceu no outro dia e como a Big Boss andava por lá pediram-me para lhe levar uma fatia de bolo.

Big Boss (muito admirada): O que vem a ser isto? Cantar os parabéns e comer bolo no meio do meu call center?
Eu (muito calma): Hum... Quer dizer, tecnicamente nós estamos num canto do call-center!
Big Boss: Teresa vai trabalhar!

E eu fui. Mas comi a minha fatia de bolo!

Acompanhem as novidades no Facebook, e no Instagram.      

quinta-feira, 13 de setembro de 2018

E porque não usar peruca?

setembro 13, 2018 27 Comments

Mudar o visual do nosso cabelo, não precisa obrigatoriamente de implicar horas no cabeleireiro e um grande investimento. Agora, e apesar dos vários produtos que existem já é possível ter cabelo curto num dia, comprido noutro e mudar de cor como quem muda de camisa. Mas como é que isso é possível de forma tão simples?! A resposta é apenas uma: Perucas!

1; 2; 3;

Apesar de não ser muito usual aqui em Portugal recorrer a perucas para mudar o visual, a verdade é que um pouco por todo o mundo elas estão a ocupar um lugar especial na vida de homens e de mulheres. Por exemplo na Wigsbuy encontram modelos para todos os gostos, géneros, modelos e feitios.

 

Por quanto é que se pode comprar uma peruca?
Antes de responder a esta pergunta existem duas coisas que devemos separar e decidir na hora de fazer a nossa compra. Por serem de melhor qualidade e durabilidade as perucas naturais são mais caras do que as sintéticas, porém cabe a cada um ver que investimento quer fazer.
Por exemplo a Wigsbuy, tem uma secção com descontos muito interessante para quem está a pensar fazer a sua primeira compras. Se não acreditam vejam a secção: Wigsbuy flash sale wigs e encontrem mais modelos do que vos deixo de seguida.

4; 5, 6;
 Diferença entre perucas sintéticas ou perucas naturais.
Os cabelos sintéticos são feitos de fios de acrílico ou nylon e dependendo da sua qualidade podem durar entre três a seis meses, e ficam mais limitadas na hora de usar por exemplo a prancha.
os cabelos naturais além de permitir alguma versatilidade, são habitualmente perucas com mais qualidade e por isso mais caras, contudo, é igualmente possível encontrar perucas naturais a preços mais convidativos, se não acreditem então visitem a secção cheap human hair wigs e tirem as vossas conclusões.


Cabelos para todas as ocasiões.
Se por um lado o uso de perucas nos permite mudar de visual sem danificarmos o nosso cabelo, existe ainda outra utilização que pode ser dada a este acessório. Quem nunca usou uma peruca no carnaval ou numa festa para imitar uma personagem? Eu já e adorei, por isso e porque já faltam menos de 2 meses para o Halloween desafio-vos a inspirarem-se na secção Cosplay Wigs For Halloween.
E para não dizerem que eu sou vossa amiga, e que só falei pela publicidade deixo-vos ainda aqui a secção com perucas lindas de morrer a menos de 100$ (menos de 90.00€). Apresento-vos as Lace Front Wigs under $100.

7; 8; 9

E então gostavam de experimentar? Qual é a vossa preferida?



Este texto foi pago ou patrocinado.


Acompanhem também as novidades no Instagram (@pequenabonecadetrapos) ou no Google+.

4 motivos para não se ser imortal

setembro 13, 2018 17 Comments

Ao longo dos anos, foi vendida a ideia que ser imortal seria algo extremamente fabuloso. Talvez por isso, muitas pessoas procuram intensamente a vida eterna, e ironicamente morrem a tentar. Mas será que ser imortal é algo assim tão fabuloso? Quer dizer, existem coisas menos boas na vida eterna, coisas que as pessoas se esquecem e que Hollywood e os contos de fadas não nos mostraram:

1. Álbuns fotográficos
Se os mortais comuns se riem e dizem coisas como "olha para este cabelo e para aquela roupa" quando descobrem uma fotografia dos avós ou até mesmo dos pais, imaginem o que seria se descobrissem uma fotografia vossa (ou melhor ainda, uma gravura vossa, porque quando se é imortal, os anos passam a voar) na decapitação da Maria Antonieta, usando aquelas perucas que vemos nos livros de história e só fazem rir? Ser imortal implica passar por várias épocas, estão dispostos a isso?

2. Imortalidade é coisa para ricos
Se pensarmos bem nenhum pobre vai querer ser imortal, se já é difícil ter dinheiro para chegar à reforma, imaginem viver com o ordenado mínimo durante séculos. Para se ser imortal é necessário um certo estofo financeiro, que obviamente pode ser adquirido com anos de experiência, mas e se as coisas correrem mal, será que estão dispostos a ser pobres durante toda a eternidade?

3. Repetir as mesmas coisas
Se a adolescência é complicada imaginem o que seria ter que simular que passamos tudo outra vez, e talvez mais outra, ou outra... Obviamente que o sonho de qualquer imortal não é viver o secundário vezes e vezes sem conta, mas poderia ser uma opção.

4. Ver toda a a gente morrer
A não ser que sejam sádicos, ninguém no seu perfeito juízo ia querer ver as pessoas que ama morrerem. Imaginem que na melhor nas hipóteses perdem alguém que gostam a cada 50 anos, uma eternidade implicaria muitas mortes o que das duas uma, nos deixaria totalmente frios, ou chegaríamos a um momento da nossa vida em que simplesmente não iríamos querer ter amigos para não ter que lidar com a sua perda. Ser imortal só é bom quando temos amigos com quem partilhar a vida!


E vocês, gostavam de ser imortais?

 

Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.    

quarta-feira, 12 de setembro de 2018

Aquarios em casa? Deixem-se inspirar

setembro 12, 2018 31 Comments

Pessoalmente adoro aquários, claro que adorava ter um aquário enorme de água quente com várias espécies de peixes, mas tenho noção que além de dispendioso, a manutenção deste tipo de aquário requer muito tempo, por isso já me contento com um mais pequeno de água fria.
Mas como eu digo sempre, sonhar não custa e eu adoro ver um bonito aquário na decoração, por isso andei a vaguear pela net em busca de inspirações.

1; 2; 3;

Adoro quando a estrutura da casa permite ter uma espécie de aquário embutido. Além de ser um bom aproveitamento do espaço dá uma beleza elegante à divisão.

Os aquários são ainda uma uma boa maneira de dar cor a uma divisão, um aquário colorido vai animar uma divisão que só tenha um ou dois tons.
Além disso, se optarem por colocar um filtro vão perceber que esta é uma boa alternativa às fontes. Esta é uma opção mais natural e uma boa maneira de ter animais de estimação.

4; 5; 6; 7; 8; 9; 10

De qualquer forma é importante reforçar que os aquários são mais do que elementos de decoração, por isso é importante nunca esquecer que lá vão estar animais e que eles devem ser bem tratados.


Acompanhem as novidades no Facebook, e no Instagram.   

terça-feira, 11 de setembro de 2018

Vestidos para o homecoming e muito mais

setembro 11, 2018 19 Comments
High Low Homecoming Dress
Ainda se lembram de no passado eu ter dito que era giro se cá em Portugal tivéssemos aquela cultura do reencontro com a turma da escola uns anos depois?
Esta semana descobri que essa tradição do "Homecoming" começou nos Estados Unidos e é feito habitualmente em setembro ou inicio de outubro de forma a reunir os ex alunos das escolas e das faculdades, para "matar saudades" e fazer algumas atividades que faziam quando ainda eram alunos da escola ou faculdade como por exemplo um jogo de futebol, um baile ou um banquete.
No site da MillyBridal encontrei inspirações de vestidos lindos de morrer para usar nesta data. Já conheciam os Short Homecoming Dresses?
1; 2; 3;
O que eu mais gosto nos Simple Homecoming Dresses é o facto de eles não terem o rótulo "este vestido só dá para este evento", se repararem, estes modelos são versáteis e podem ser usados em outros eventos como bailes, festas, e alguns casos até mesmo em casamentos. É tudo uma questão de saber adaptar o vestido ao evento. Além disso este tipo de vestido fica bem tanto em cores escuras como claras, sendo a cor apenas uma questão preferência de quem usa.
4; 5; 6
Como sabem eu sou apologista que a peça de roupa mais feminina que existe é o vestido, e defendo que todas as mulheres devem pelo menos uma vez na vida usar um modelo que as faça sentir linda, sensual, confiante e princesa, tudo ao mesmo tempo.

Para mim este seria o tal vestido:

fonte
E para vocês?



Este texto foi pago ou patrocinado.

 

Acompanhem as novidades no Facebook, e no Instagram.   

Receita #09 - Bolo de Chocolate Húmido

setembro 11, 2018 15 Comments

Recentemente tenho vindo a descobrir um estranho prazer no que diz respeito a passar tempo na cozinha a preparar doces. Um dos meus favoritos neste momento foi este delicioso bolo de chocolate húmido. A receita foi-me dada por uma colega minha de trabalho e eu fiquei completamente rendida. Por isso decidi partilhar a receita com vocês e desafiar-vos a experimentar ai em casa.

Ingredientes

  • 5 ovos
  • 2 chávenas de açúcar
  • 2 chávenas de farinha
  • 1 chávena de óleo
  • 1 chávena de água a ferver
  • 1 pacote de chocolate em pó
  • 1 embalagem de chocolate de culinária
  • 1 pacote de natas
  • Açúcar em pó QB
  • Raspas de chocolate QB
  • Avelã e amêndoa picada QB


Confeção:

Comecem por bater os ovos com uma vara de arames, juntem o açúcar e deixem envolver até formar uma pasta cremosa. Juntem aos poucos a farinha e o óleo. Misturem bem antes de juntar o chocolate em pó e a água quente e voltem a misturem bem.

Coloquem numa forma previamente untada com manteiga e chocolate em pó, e levem ao forno por cerca de 45 minutos a 180º.


Façam o teste do palito, mas lembrem-se que este é um bolo húmido, por isso não é suposto o palito sair completamente limpo de dentro do bolo.

Assim que estiver pronto tirem do forno e deixem arrefecer. 

Enquanto isso preparem a cobertura. Derretam o chocolate em banho-maria e depois de estar bem derretido, juntem um pacote de natas. Misturem bem até criar um chocolate cremoso.

Desenformem o bolo, cobram com o chocolate e decorem com açúcar em pós, raspas de chocolate e amêndoas e avelãs picadas a gosto.

Espero que gostem e se experimentarem não se esqueçam de partilhar a vossa opinião comigo.

 

Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.  

segunda-feira, 10 de setembro de 2018

#Resumo da Semana nº36/2018

setembro 10, 2018 35 Comments

Alem das reviravoltas da vida, a semana foi marcada pela esterilização da Egas. A operação correu bem, mas desde essa altura que eu não tenho sossego. Ainda bem que estive de férias porque o pós-operatório está a ser um filme de terror, porque ela não fica quieta e eu morro de medo que se aleije, ou seja, sempre que ela se levanta de noite (que acontece com muita frequência) eu levanto-me também para evitar que ela faça asneiras. Uma semana nisto, sem dormir mais de uma hora seguida e eu estou a dar em maluca, mas pior que tudo, de sexta para sábado devo ter adormecido e quando de manhã percebi ela tinha aberto os pontos. Felizmente tinha uma consulta marcada e a veterinária lá a viu, não foi totalmente grave, mas pode vir a ser, ou seja, ela tem que estar em repouso completo e sem se mexer. Se não funcionar vai ter que regressar na terça-feira e das duas, uma, ou fica em repouso lá, ou vai ter que ser aberta e fechada de novo o que me deixa louca de ansiedade.
Espero ter boas noticias na próxima semana, e como sei que vocês se preocupam com as minhas meninas assim que souber alguma coisa eu comunico nas redes sociais.


Legenda:

1. Pensamento da Becas “Hum não resisto a fotos bonitas!“
2. Não sou fã de pontes, mas pronto a foto ficou gira e valeu a pena o sacrifício!
3. “Olá, está alguém ai?“
4. Vamos lá jantar!
5. Amanhã é dia de voltar à rotina, de “reprogramar“ e de organizar. O principio do fim desta fase!


Acompanhem as novidades no Facebook, e no Instagram.   

sábado, 8 de setembro de 2018

Tinha tudo para correr mal (1º Capítulo)

setembro 08, 2018 21 Comments

Como vos tinha dito no editorial, decidi voltar a dedicar-me à escrita e decidi criar a história de um grupo de amigos. Cada capitulo da história, para já, vai ser contado, pela perspetiva da Eduarda.
Ainda estou a escrever a história tenciono ir adaptando de acordo com as vossas reações, por isso fiquem à vontade, para deixarem as vossas sugestões.

"Estava a rir de mais uma piada obscena do Rodrigo quando vi a Ana e o Ivo entrarem no café. Eles tinham convocado o grupo para uma "reunião de emergência", mas neste momento eu já tinha feito as minhas apostas sobre o que seria motivo de tanto mistério.
OK! Aqueles dois são realmente o casal perfeito, tão perfeito que até irrita. Ambos loiros de olhos azuis. Ela além de loira tem um longo e saudável cabelo comprido, sempre bem penteado a combinar com umas bochechas fofas e uns lábios de boneca. Ele também está perto da perfeição com a sua barba loira e maxilar definido. A maioria das pessoas dizem que eles são o casal perfeito, eu pessoalmente acho que eles parecem saídos de uma revista de propaganda nazi.
- Eu e o Ivo temos boas noticias! - Disse a Ana com um enorme sorriso que mostrava os seus dentes igualmente perfeitos.
Ela levantou a mão à altura do peito e exibiu ao grupo um enorme calhau no dedo anelar. Claro que assim que as palavras "vamos casar" surgiram, todas as almas presentes soltaram exclamações de felicidade e alguns malucos mesmo levantaram-se para dar abraços e beijinhos.
Deixei-me ficar para o fim do desfile e então disse calmamente - Desejo-vos as felicidades. - Não consegui dizer mais nada, afinal o que é que se diz nestas situações quando não se acredita no amor?
Sinceramente apetecia-me gritar à minha melhor amiga, para fugir e gritar, para não se meter em loucuras, mas a Ana era mesmo assim, além de loira era apaixonada e seria uma boa esposa ela tinha direito aos seus sonhos.
E por falar em sonhos, os delas passavam por um bom marido, uma boa carreira, um casamento em grande, mais tarde uns dois ou três filhos e manter uma silhueta perfeita. Ela estava no bom caminho!
- Já escolhemos os padrinhos!!! - Exclamou ela ainda em êxtase.
Ah! Aqui está a prova, ela já tinha tudo pensado e só agora estava a acontecer.
Não fiquei admirada quando anunciaram que o Rodrigo, o primo do Ivo ia ser o padrinho, esta era uma escolha óbvia, mas fiquei espantada quando ouvi o meu nome ser apontado para o infame no da madrinha.
- Eu?! Tens a certeza?
- Edu, tu és a minha melhor amiga desde sempre! Além disso fui madrinha do teu casamento!
E nem por isso a minha experiência lhe serviu de exemplo...
- OK, tudo bem. - Tinha que me render.
- Joana queres ser o meu par? - Perguntou o Rodrigo lançando o seu charme.
- É que nem comeces. - Afirmou a Joana acendendo um cigarro.

Tenho que dar o mérito ao Rodrigo, não desiste de tentar a sua sorte com a Joana apesar de toda a gente saber que isso nunca vai acontecer.
A verdade seja dita. ele é realmente um homem interessante. 1.90m, moreno, musculado cabelo e olhos castanhos... Pessoalmente tirava-lhe as tatuagens, mas a minha opinião não conta para nada. Aliás ele tem tanto de bonito como de mulherengo, por isso só uma mulher estúpida (e ele conhece muitas) se deixaria levar pelos seus encantos.
E como de estúpida a Joana não tem nada, ela tem vindo a declinar todas as investidas dele. Sinceramente acho que ele é o único que ainda não percebeu que ela é areia a mais para a camioneta dele.
Os ânimos estavam ao rubro, por isso aproveitei para dar atenção ao meu telemóvel. Para minha surpresa tinha uma mensagem do meu "amigo comprometido". Já não tinha notícias dele desde o dia em que lhe disse que não ia ter um caso com ele apesar de toda a química que existia entre nós. Expliquei-lhe que antes de qualquer relação ou coisa do género, gosto de sair, tomar um café e conhecer a pessoa. Na altura ele ficou chateado e simplesmente desapareceu, mas agora como um novo filme do "Sozinho em casa" ele estava de volta e surpresa! Queria tomar café comigo!
Só me faltava esta!!!"


Espero que tenho gostado do inicio da história, deixem a vossa opinião! Quero saber se vale a pena continuar a história ou não!
Se o feedback for bom, para o próximo sábado temos mais um episódio de TTPCM.

 

Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.   

 

sexta-feira, 7 de setembro de 2018

Afinal porque é que as damas de honor usam vestidos iguais?

setembro 07, 2018 11 Comments
Apesar de esta ser uma tradição que varia muito de país para país, e de casamento para casamento, a escolha do vestido para as damas de honor exige habitualmente que todas as amigas da noiva que vão assumir este papel importante vistam um vestido igual entre si, ou pelo menos, um vestido da mesma cor.
Pessoalmente sou apologista que se vistam todas as damas de honor com vestidos da mesma cor, mas não com vestidos iguais, até porque de certeza que entre elas a sua estrutura física varia, e o que vai ficar bem a uma pode não ficar bem a outra não é verdade?
E por falar em vários modelos na mesma cor, fui ao site MillyBridal e fiz uma breve seleção de vestidos para damas de honor para partilhar e vos provar a minha teoria dos vestidos da mesma cor mas com modelos diferentes.
1; 2; 3
Encontrei estes vestidos na secção Bridemaids Dresses UK e adorei-os pela elegância e pela maneira como dá para conjugar vários modelos, para vários tipos corpo na mesma cor, neste caso no coral.
Já os vestidos mais jovens conhecidos como Junior Bridemaids dresses, podem ser adaptados, e devem ser utilizados principalmente quando existe uma dama de honor mais nova que as restantes.


Mas afinal porque é que as damas de honor se vestem todas de igual?

Esta tradição começou na época da Roma antiga, numa época em que todas as mulheres iam para a cerimónia com vestidos iguais ao da noiva, isto supostamente para evitar que os espíritos dos homens mal-intencionados não conseguissem distinguir qual delas ia casar.

Depois não digam que eu não partilho coisas interessantes com vocês, aposto que não sabiam!




Este texto foi pago ou patrocinado.

 
Acompanhem as novidades no Facebook, e o Instagram.  

Instragam