sábado, 17 de novembro de 2018

Tinha tudo para correr mal (11º Capítulo)

Quem é que ainda se lembra da festa do que aconteceu na festa de Halloween? Pois bem, uma vez que as pessoas ficaram curiosas em relação ao Filipe  decidi que seria interessante dar uma oportunidade a essa personagem, mas ainda não vai ser já. Mas fiquem atentos


"- Agora já podemos pensar no Natal. Quem é que organiza a festa este ano? - Perguntou a Joana.
- Acho que este ano é a minha vez. - Respondo colocando o telemóvel em cima da mesa, eu e o Filipe temos passado muito tempo a falar e estamos a pensar em breve marcar um café ou um jantar.
- Precisas de ajuda? - Perguntou a Ana que gosta tanto do Natal como uma criança de cinco de cinco anos que ainda acredita no Pai Natal.
Ela continuou a falar, mas não a ouvi, tinha uma nova mensagem no Filipe, andava curiosa em relação a uma situação que não queria nem devia comentar ninguém.
Mas afinal qual é o motivo de tanta curiosidade? Não sei o nome do Filipe e nem sei se ele se chama mesmo Filipe, ele pode se chamar Zé Zarolho e eu nem imagino.
Qual é a melhor maneira de saber a vida de uma pessoa? Adiciona-la no Facebook!
Mensagem enviada, pedi-lhe para me adicionar no facebook.
PLIM! Novo seguidor! Cá está aquela carinha bonita e cá está o nome dele... Filipe Cunha Alves. Nem conseguia acreditar no que os meus olhos viam. Sorri e propus um jantar a dois para o dia seguinte.
- EDU! - Gritou a Ana. Falta mais de um mês para o Natal, mas ela já está com ganas.
- Diz, desculpa, estava distraída. - Respondo atirando o telemóvel para a carteira.
- Estava a dizer que podias fazer o teu delicioso bacalhau com natas...
- Pode ser, já vou comer bacalhau com broa no jantar de trabalho dia 22 de dezembro, bacalhau gratinado no jantar da igreja dia 21, bacalhau de qualquer forma no jantar do clube de gays e lésbicas da terrinha no dia 20... Porque não comer bacalhau com natas no dia 23? - Reclamo.
- Jantar da igreja? - Perguntou a Joana a rir.
- Jantar do clube de gays e lésbicas? - Perguntou o Rodrigo.
- Isso nem sequer existe. - Reclamou o Artur.
- Pois não, mas perceberam a ideia. Toda a gente enfarda bacalhau nas festas de natal. Nós próprios nos queixamos todos os anos que passamos dias a comer bacalhau e depois os restos das festas... - Explico aguentando a minha forte curiosidade de ver o telemóvel.
- Nisso tens razão, todos os anos é a mesma coisa. - Concordou o Ivo bebendo o seu fino.
- Vamos comer sushi! - Gritou a Carlota dando um salto e batendo com a mão na mesa, como se a escolha do jantar de natal fosse a mesma coisa que declarar guerra a uma grande potência.
- Aguenta os póneis! - Disse-lhe o irmão rindo.
- Não querias dizer cavalos? - Perguntou a Ana.
- Não, queria mesmo dizer póneis, além de mais nova e mais ela é a mais baixa, se nós aguentamos os cavalos ela tem que aguentar os póneis. - Explicou o Artur, obviamente que isto era daquelas coisas que só os irmãos entendem.
- Tive uma ideia! E que tal um churrasco? - Sugiro. Ficam todos a olhar para mim como seu fosse um pónei cor-de-rosa.
- E vamos fazer isso na tua varanda? - Pergunta o Ivo.
- Tens um plano melhor? É diferente a nível gastronómico, é original, e completamente fora do contexto! - Respondo.
- Eu alinho no churrasco! - Disse a Joana. - E só porque sou uma gaja fixe, vamos para minha casa fazer a festa de natal. - Acrescentou ela que tem uma casa térrea com um pátio bem simpático.
- Vamos já fazer o sorteio do amigo secreto! - Disse a Ana em euforia.
Pior que Ana em euforia é ver os outros todos em euforia. Alguém arranjou um papel e uma caneta, meterem os papéis no gorro do Rodrigo e cada um tirou um papel.
Surpresa! O meu amigo secreto é a Carlota. Alguma coisa me diz que lhe vou dar a prenda antes do natal, mas vai ser épica.
Peguei no telemóvel e respondi à mensagem do Filipe, o jantar de amanhã está combinado, e claro que pela conversa dele ele vai querer sobremesa.
- Joana, estás livre amanhã de tarde?
- É fim-de-semana, claro que estou livre. Ao fim-de-semana os meus clientes como são homens de família, estão obviamente com a família!
- Boa! Às três da tarde passo em tua casa, sou capaz de precisar que me emprestes uma meias.
- Primeiro, porque é que vocês vão às compras sem mim? - Perguntou a Ana aborrecida.
- Segundo, porque é que a Joana te vai emprestar meias? - perguntou o Artur.
- Primeiro - e fito a Ana - Não sejas curiosa, já pensaste que tu podes ser o meu amigo secreto? - Ela calou-se e sorriu contente com a possibilidade. - Segundo, - e fito o Artur - Não sabes que meias estou a falar! - confesso que não tinha uma resposta melhor para lhe dar.
PLIM! Recebi uma mensagem, abri animadamente a pensar que era do Filipe, mas era uma mensagem simples da Joana que apenas dizia: MEIAS???
Tive que me controlar para dar uma gargalhada, estava a gerar um plano na minha cabeça. Apenas respondi "Daquelas que usas para amarrar os teus clientes à cama!"
A Joana não se controlou e soltou uma gargalhada a ler a mensagem. Todos a fitaram.
- O que foi? Já não se pode ser feliz?"

Acompanhem também as novidades no Instagram (@pequenabonecadetrapos) ou no Google+.

14 comentários:

  1. Hmmm, estou curiosa com esse jantar.

    ResponderEliminar
  2. Posso dizer que tenho adorado bastante esses capitulos
    Beijinhos
    Novo post //Intagram
    Tem post novos todos os dias

    ResponderEliminar
  3. Caros amigos leitores,

    estamos de volta com um novo conto ainda sem título.
    Convidamos-vos, assim, a ler o capítulo 0.
    https://contospartilhados.blogspot.com/2018/11/novo-conto-ainda-sem-titulo-capitulo-0.html

    Sempre com um enorme carinho e respeito por vós,
    AUPAC

    ResponderEliminar
  4. Também estou curiosa, não com o jantar mas com o que se vai passar depois.
    Rsrsrs.
    Abraço e bom Domingo

    ResponderEliminar
  5. Este grupo de amigos é hilariante! Continua, minha querida, está cada vez melhor :D

    ResponderEliminar
  6. Opa tenho mesmo que arranjar tempo para ler esta história desde o inicio :) Beijinhos*

    ResponderEliminar
  7. Cá está o Filipe! :)
    Gostei muito deste episódio, como sempre muita criatividade e humor :)
    Obrigada. Quero mais!
    Beijinhos!!

    ResponderEliminar

loading...